Notícia

Câmara Municipal de Araraquara

Pesquisa

Publicado em 11 agosto 2020

Um estudo liderado pela Universidade de Oxford, com a colaboração de pesquisadores brasileiros do Instituto Oswaldo Cruz, da Universidade de São Paulo (USP), da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e da Fundação de Amparo e Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) explica por que as crianças são menos suscetíveis à Covid-19 do que pessoas mais velhas. O motivo seria a resposta mais eficiente a várias espécies de coronavírus endêmicos na infância, que geralmente causam gripes comuns. A tendência é que, após exposições sucessivas ao longo da vida, o sistema de defesa se torne tão especializado que não seja mais capaz de reconhecer e combater vírus emergentes, como o Sars-CoV-2.