Notícia

A Folha (São Carlos, SP)

Pesquisa pretende aliar arquitetura de referência e linha de produto de software

Publicado em 18 março 2011

Elisa Yumi Nakagawa iniciou em janeiro seu pós-doutorado no Fraunhofer-Institute for Experimental Software Engineering (Fraunhofer IESE), na Alemanha. Ela é professora do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP em São Carlos e é pesquisadora do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Sistemas Embarcados Críticos (INCT-SEC).

Sob supervisão do Prof. Dieter Rombach, que é coordenador do Grupo Fraunhofer de Tecnologia da Informação, diretor-executivo do Fraunhofer IESE e professor titular da Universidade de Kaiserslautern, a Profa. Elisa trabalhará com o Dr. Martin Becker, coordenador do Departamento de Desenvolvimento de Sistemas Embarcados da Fraunhofer IESE.

Com o apoio financeiro da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP), a Profa. Elisa pretende aprimorar os trabalhos desenvolvidos atualmente na área de Arquitetura de Software. Segundo a professora, o objetivo é "explorar como arquiteturas de referência, um tipo específico de arquitetura de software, podem ser utilizadas no estabelecimento de linhas de produtos" direcionada a sistemas embarcados críticos.

Considerando a área de Robótica, por exemplo, o estabelecimento de uma arquitetura de referência para essa área trará benefícios, visando facilitar a construção de novos sistemas, bem como a reestruturação de sistemas já existentes dessa área. Ao pensar na arquitetura, a Profa. Elisa destaca que "fica mais fácil planejar evoluções do sistema, reaproveitando partes de códigos prontos para outros robôs".

Ao lado da área de Robótica do INCT-SEC, o pós-doutorado da Profa.Elisa poderá contribuir para o estabelecimento de uma linha de produto de software direcionada a veículos aéreos não tripulados (VANTs), agregando conhecimentos do instituto alemão que trabalha com linhas de produtos para sistemas embarcados automotivos.

A Profa. Elisa também ressalta que há a possibilidade de intensificar a colaboração entre instituições brasileiras e estrangeiras ao incentivar que alunos do ICMC e INCT-SEC realizem visitas ao exterior, concretizando, assim, vivências internacionais e transferências dessas experiências a outros pesquisadores.

INCT-SEC

O INCT-SEC conta com apoio do CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico), FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo) e CAPES (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) e é sediado no Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP em São Carlos.

O objetivo do INCT-SEC é agregar habilidades, competências e infraestrutura necessárias para o desenvolvimento de sistemas embarcados críticos, com o intuito de capacitar a academia e a indústria brasileira no desenvolvimento científico-tecnológico de aplicações de relevância e de alto impacto econômico-social em áreas estratégicas do país, como agricultura, segurança e defesa nacional, aviação e meio ambiente.