Notícia

Portal Exame

Pesquisa investiga as estrelas mais velhas da Galáxia

Publicado em 27 maio 2015

Por José Tadeu Arantes, da Agência FAPESP
De acordo com a maioria dos modelos, e também de evidências proporcionadas por observações recentes, o bojo é a primeira estrutura a se formar nas galáxias espirais. Portanto é, no mínimo, tão velho quanto o halo que o envolve. Assim, o bojo da Via Láctea conteria as estrelas mais antigas de nossa galáxia, com idade superior a 13 bilhões de anos. Essas estrelas velhas – consideradas de segunda geração, pois as da primeira geração teriam desaparecido há muito tempo, explodindo e enriquecendo o meio com elementos químicos [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.