Notícia

Correio Popular online

Pesquisa em risco

Publicado em 27 janeiro 2017

Por Milene Moreto

O Conselho de Reitores das Universidades Estaduais Paulistas (Cruesp) divulgou nota nesta sexta-feira em que revela “preocupação” com a decisão da Assembleia Legislativa de São Paulo, que reduziu o percentual das transferências do Estado para a Fapesp.

 

Redução

A redução, de 1% para 0,89%, representa perda de receita estimada em R$ 120 milhões para este ano e contraria, segundo a nota, compromisso histórico de financiamento estável à fundação, conforme o artigo 271 da Constituição do Estado.

 

Papel

Para justificar a posição, o Cruesp fala da importância do papel da Fapesp no desenvolvimento econômico e social do Estado com suas pesquisas nos campos da ciência, tecnologia e inovação.

 

Briga

A fundação é apontada como modelo de agência de fomento à pesquisa. “Esperamos que o Estado atenda às demandas orçamentárias sem afetar a longa tradição de apoio do povo paulista à sua fundação de amparo à pesquisa”, diz a nota. Institutos de pesquisa e universidades conseguiram recentemente que o governo federal revogasse um decreto que limitava repasses para a área em todo o País. A redução de recursos provocaria um grande impacto na produção científica do Brasil. Em São Paulo ainda não há sinalização.