Notícia

Veja online

Perto de completar 18 anos, Agência Espacial Brasileira tenta novo recomeço

Publicado em 18 dezembro 2011

Centro de lançamento de satélites de Alcântara, no Maranhão: "Brasil precisa ser capaz de lançar os próprios satélites de forma independente", diz Thyrso, da AEB (Agência Espacial Brasileira) "Não é ufanismo nem nacionalismo. O Brasil precisa ser capaz de lançar os próprios satélites de forma independente." "O que ganhamos com informação de meteorologia, por exemplo, chega a ser o equivalente ao que gastamos com nosso programa espacial anualmente, cerca de 300 milhões de reais." "O programa espacial brasileiro apesar de ser [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.