Notícia

UPDate

Pelo conhecimento

Publicado em 01 setembro 2005

De acordo com o diretor científico da Fapesp e ex-reitor da Unicamp, Carlos Henrique de Brito Cruz, o Brasil desenvolveu nos últimos 60 anos uma capacidade acadêmica para gerar conhecimento razoavelmente competitiva do ponto de vista de referenciais internacionais. No entanto, ao lado de tal vitalidade na produção científica, o País tem uma situação desfavorável quando o assunto são patentes. "O Brasil ainda não entendeu que o conhecimento é um insumo muito importante do desenvolvimento", afirmou. Brito Cruz, que falou aos membros da Força-Tarefa de Propriedade Industrial em agosto, defende que as patentes são um produto tipicamente das empresas, não das universidades.