Notícia

Envolverde

PD em pesquisa sobre dengue com Bolsa FAPESP

Publicado em 20 julho 2010

Agência FAPESP - O Projeto Temático "Investigações dos mecanismos moleculares envolvidos nos processos de infecção de células humanas pelos vírus da dengue", apoiado pela FAPESP, tem uma oportunidade de Bolsa de Pós-Doutorado no Departamento de Química da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

A dengue hemorrágica é fatal em 1% a 5% dos casos. Uma proteína-chave na multiplicação do vírus e no processo de infecção pelos vírus da dengue é a proteína E, que contém o peptídeo de fusão. A estrutura quaternária dessa proteína é desconhecida no nível atômico, o que dificulta a identificação de inibidores.

O trabalho específico a ser desenvolvido é investigar a estrutura e o comportamento do trímero da proteína E do vírus da dengue quanto à sua estabilidade e quanto aos fatores que a determinam em meio ácido em função da força iônica do meio focalizando principalmente a região do peptídeo de fusão.

Os candidatos devem possuir doutorado e bons conhecimentos em química, bioquímica, técnicas de simulação molecular com aplicação, principalmente, a sistemas proteicos e proteínas/membranas modelo.

Mais informações com o coordenador do projeto, professor Léo Degrève (leo@ffclrp.usp.br). Submissões até 31 de setembro de 2010.

A vaga está aberta a brasileiros e estrangeiros. O selecionado receberá Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP, no valor de R$ 5.028,90 mensais.

Outras vagas de bolsas de pós-doutorado, em diversas áreas do conhecimento, estão no site FAPESP-Oportunidades, em http://www.oportunidades.fapesp.br.

(Envolverde/Agência Fapesp)