Notícia

JC e-mail

PD em neurociências com Bolsa da Fapesp

Publicado em 21 junho 2011

O Projeto Temático Conectividade funcional e efetiva no cérebro humano, apoiado pela Fapesp, tem uma vaga para pesquisador com Bolsa de Pós-Doutorado da Fundação.

O projeto, vinculado ao programa Cooperação Interinstitucional de Apoio a Pesquisas sobre o Cérebro (CInAPCe), é conduzido na Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

O objetivo do projeto é o estudo da conectividade funcional e efetiva no cérebro humano saudável e em pacientes com epilepsia a partir de dados de Ressonância Magnética funcional e EEG.

Competências desejadas dos candidatos: Doutorado em física, biofísica, engenharia biomédica ou áreas afins vinculado com ressonância magnética; Experiência prática com ressonância magnética; Conhecimentos de neuroanatomia; Experiência em manipulação de dados de fMRI e/ou sinais de EEG adquiridos no ambiente da ressonância magnética; Experiência de programação com Matlab ou IDL ou C++;

Publicações em revistas especializadas e resumos em eventos vinculados ao tema deste projeto e Experiência internacional.

O pesquisador terá acesso a um equipamento de MRI Philips de 3 T com um sistema integrado de estímulos para fMRI (Eloquence) e um sistema de EEG compatível com MRI de 64 canais. Adicionalmente, poderá fazer uso de laboratório de computação com diversas ferramentas e processamentos de imagens e espectros, assim com um laboratório para preparação de soluções.

Interessados devem enviar a documentação a seguir, até o próximo dia 30, o professor João Pereira Leite (jpleite@fmrp.usp.br).

1) Curriculum vitae completo, incluindo a lista de publicações; 2) Carta de apresentação indicando a razão do interesse na bolsa e com um breve relato de sua experiência; 3) Indicação de duas referências com endereço de e-mail para contato. Os documentos devem ser encaminhados em formato PDF.

A vaga é aberta a brasileiros e estrangeiros. O selecionado recebe Bolsa de Pós-Doutorado no valor de R$ 5.333,40 mensais, Reserva Técnica e Auxílio Instalação. A Reserva Técnica de Bolsa de PD equivale a 15% do valor anual da bolsa e tem o objetivo de atender a despesas imprevistas e diretamente relacionadas à atividade de pesquisa.

O bolsista de PD, caso resida em domicílio diferente e precise se mudar para a cidade onde se localiza a instituição sede da pesquisa, poderá ter direito a um Auxílio Instalação.

Mais informações sobre a Bolsa de Pós-Doutorado estão em www.fapesp.br/bolsas/pd.

Outras vagas de Bolsas de Pós-Doutorado, em diversas áreas do conhecimento, estão publicadas no site Fapesp-Oportunidades, em www.oportunidades.fapesp.br.

(Agência Fapesp)