Notícia

Envolverde

PD em biologia celular com Bolsa da FAPESP

Publicado em 14 janeiro 2010

Agência FAPESP - O Laboratório de Glicobiologia e Imunoquímica da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo tem em aberto uma oportunidade de Bolsa de Pós-Doutorado como parte do Projeto Temático "Efeitos biológicos e aplicações farmacêuticas de lectinas", apoiado pela FAPESP.

Os candidatos deverão ter conhecimento e experiência prévia em biologia celular e de glicobiologia, para desenvolver projeto referente a:

1) identificação de ligantes de lectina indutora de apoptose na membrana de células hematopoiéticas tumorais ou normais;

2) análise proteômica dos materiais derivados de células hematopoiéticas tratadas e não tratadas com a lectina;

3) identificação de proteínas intracelulares envolvidas no processo de sinalização disparado por ArtinM.

Os candidatos devem ter também experiência em metodologias de cultivo celular, citometria de fluxo, purificação de proteínas, cromatografia de alta resolução e técnicas eletroforéticas. É também desejável conhecimento básico na área de proteômica.

Os interessados devem enviar para a coordenadora do projeto, professora Maria Cristina Roque Barreira (mcrbarre@fmrp.usp.br), declaração de interesse e histórico escolar do doutorado. Devem ainda encaminhar currículo vitae atualizado. A seleção será feita por meio do exame da documentação encaminhada.

A vaga está aberta a brasileiros e estrangeiros. O valor da Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP é de R$ 4.508,10 mensais.

Outras vagas de Bolsas de Pós-Doutorado, em diversas áreas do conhecimento, estão publicadas no site FAPESP-Oportunidades, em www.oportunidades.fapesp.br.

(Envolverde/Agência Fapesp)