Notícia

JC e-mail

Parque Tecnológico de São José dos Campos recebe Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Aeronáutica

Publicado em 30 agosto 2006

Projeto nasce de uma parceria entre prefeitura, Embraer, Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) e Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), no âmbito do Sistema Paulista de Parques Tecnológicos

Será lançado na próxima quarta-feira (30), com a presença do governador do Estado de São Paulo, Claudio Lembo, o Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Aeronáutica a ser instalado no Núcleo do Parque Tecnológico de São José dos Campos.
O projeto nasce de uma parceria entre a Prefeitura Municipal, a Embraer, o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) e o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), no âmbito do Sistema Paulista de Parques Tecnológicos.
O Sistema Paulista de Parques Tecnológicos é um projeto da Secretaria Estadual da Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico em conjunto com a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP).
Quando estiver totalmente instalada, a iniciativa será a principal plataforma do Parque Tecnológico de São José e contará com laboratórios públicos de integração de sistemas, software embarcado e de estruturas leves com máquinas e equipamentos para ensaios.
O ITA será responsável pela coordenação científica de alguns destes laboratórios e, dando continuidade à parceria já existente com a Embraer, ministrará aulas do Mestrado Profissional em Engenharia Aeronáutica, que teve início em 2003, e oferece um conteúdo curricular dedicado a atender à demanda de recursos humanos e necessidades tecnológicas da empresa.
O Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Aeronáutica também será um importante instrumento para desenvolver a cadeia produtiva aeroespacial, beneficiando micros, pequenas e médias empresas, gerando renda e postos de trabalho para São José.
O início da instalação do centro está previsto para setembro.
O setor aeroespacial foi definido pela Prefeitura Municipal e pelo Governo do Estado de São Paulo como um dos setores que vão ancorar o Parque Tecnológico de São José por considerarem que a região já é um pólo de desenvolvimento aeroespacial reconhecido mundialmente.