Notícia

Agência Gestão CT&I

Parceria entre Finep e Fapesp disponibiliza R$ 80 milhões em três chamadas públicas

Publicado em 28 agosto 2015

A Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) e a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) lançaram três editais com recursos não-reembolsáveis, em um total de R$ 80 milhões. As chamadas envolvem o Projeto Sirius, o fomento a atividades inovativas em áreas consideradas estratégicas entre as empresas paulistas e a formação de recursos humanos para as indústrias aeroespacial e de defesa em São Paulo.

Para os três editais, serão elegíveis como proponentes apenas empresas de pequenos porte e micro, pequenas e médias empresas brasileiras, sediadas no estado de São Paulo, constituídas pelo menos 12 meses antes da publicação das chamadas públicas. As proponentes deverão indicar um pesquisador responsável/coordenador técnico pelo projeto e as propostas serão recebidas até o dia 27 de novembro. O prazo de execução do projeto deverá ser de até 24 meses.

A parceria abriu a segunda chamada de propostas para o Desenvolvimento do Novo Anel Acelerador Sirius, do Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS). Serão disponibilizados R$ 20 milhões para o projeto, sendo que a Finep e a Fiesp contribuirão com uma metade do valor total. Para mais informações, acesse este link.

Já o Programa PIPE/PAPPE Subvenção- Fase III – 4ª rodada apoiará o desenvolvimento de produtos, processos e serviços inovadores em áreas consideradas estratégicas nas políticas públicas federais. O intuito é estimular a ampliação e o adensamento das atividades de pesquisa e inovação entre o setor empresarial de São Paulo. Os recursos disponibilizados são de R$ 30 milhões, também divididos igualmente entre as duas instituições. Para mais informações, acesse este link.

O edital derradeiro é chamado Fortalecimento e Qualificação em Manufatura Avançada das Cadeias Produtivas da Indústria Aeroespacial e de Defesa do Estado de São Paulo. Foram disponibilizados R$ 30 milhões – 50% da Finep e outros 50% da Fiesp – para a chamada, que poderá desenvolver setores como Materiais Compósitos e Metálicos, Medição, Ferramentação, Automação, Montagem Estrutural e Cablagem. Para mais informações, acesse este link.

Convênio triplo

Foi anunciado ainda o primeiro edital resultante de um convênio entre o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), a Fapesp e o Ministério das Comunicações (MiniCom), firmado em dezembro de 2013. A chamada pública destina R$ 20 milhões para pesquisas que atendam aos objetivos a que se destina. A parceria visa estimular, selecionar e apoiar projetos de instituições de ensino superior e pesquisa. Para mais informações, acesse este link.

(Agência Gestão CT&I, com informações da Finep)