Notícia

Jornal do Commercio (PE)

Para estimular a cobertura vacinal no Brasil

Publicado em 02 maio 2021

Por Cinthya Leite

Quantos brasileiros já se imunizarem contra o sarampo, a hepatite B e outras doenças?

Ao certo, não se sabe. Essa precisa cobertura vacinal é desconhecida porque o registro do histórico de imunizações feitas na rede pública de saúde do Pais, nas últimas décadas, está em cadernetas de papel.

Para auxiliar a a estimar essa cobertura, pesquisadores da universidade de São Paulo (USP) iniciaram projeto para digitalizar carteiras de vacinação antigas. Batizado de Levacc, o projeto foi encomendado pelo Ministério da Saúde e apoiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp).

Os pesquisadores querem aproveitar a campanha de imunização contra a covid-19 para coletar fotos de carteiras de vacinação e aumentar a base de dados. Na primeira etapa do trabalho, os pesquisadores estão coletando imagens das cadernetas (podem ser tiradas por smartphone e enviadas pelo site do projeto: levacc. csbiology.org). Os voluntários precisam mandar só a imagem do registro de vacinações, sem necessidade de expor dados pessoais.

Com informações da Agência Fapesp