Notícia

Revista Cult

[Palestra] Usp Talks – O futuro do planeta

Publicado em 13 dezembro 2019

Por Amanda Massuela

A mostra multimídia traz conteúdos imagéticos e acervos de seis agremiações afro-baianas – Filhos de Gandhy, Ilê Aiyê, Malê Debalê, Muzenza, Didá e Cortejo Afro – para tratar sobre beleza e luta por igualdade. Dividida em quatro partes (origens, dança, estética e música), a exposição apresenta religião, música, dança, poesia, indumentárias e comportamento como ferramentas para contar suas trajetórias de resistência e seus legados de beleza e empoderamento.

De 13/12 a 19/01, ter. a dom., das 9 às 19h, na Caixa Cultural São Paulo, Praça da Sé, 111, Centro, São Paulo, SP. Grátis

[Exposição] Ocupação Alceu Valença

A 48ª edição do projeto Ocupação, do Itaú Cultural, homenageia a vida e obra do compositor, cantor e instrumentista pernambucano Alceu Valença. A mostra reúne depoimentos, objetos e produções literárias para desvendar os muitos mundos ocupados pelo artista que foi dos versos às rimas, do baião ao frevo, do circo ao cinema, com referências que abrangem o cordel, o circo e a canção brasileira.

14/12 a 26/01, ter. a sex., das 9h às 20h; sab., dom. e feriados, das 11h às 20h, no Itaú Cultural, av. Paulista, 149, São Paulo, SP. Grátis

[Encontro] Maternidade e negritude

Em diálogo com os temas do espetáculo Medeia Negra, a professora, ativista e pesquisadora Suzane Jardim fala sobre maternidade e negritude a partir de seu trabalho em prol da democratização do conhecimento sobre feminismo interseccional e de suas pesquisas sobre o abolicionismo penal. O evento é parte do projeto Expectação, série mensal de encontros entre um pensador convidado e o público dos espetáculos em cartaz no Espaço Cênico do Sesc Pompeia.

14/12, às 16h, no Sesc Pompeia, rua Clélia, 93, São Paulo, SP. Grátis (retirada de ingressos na bilheteria com uma hora de antecedência).

[Cinema] Mostra de cinema brasileiro desobediente

A Galeria Vermelho exibe 17 dos 30 filmes selecionados para a sexta edição de produções brasileiras independentes. Curtas como Mucunã, de Carol Correia, Um conto de réis, de Danilo Kamenassch e O gargalo, de Melquior Brito, são exibidos a partir das 15h. Os outros 13 filmes selecionados serão exibidos no Centro Cultural b_arco, em São Paulo, no dia 12/12, a partir das 18h30.

14/12, das 15h00 às 20h30, na Galeria Vermelho, rua Minas Gerais, 350, Consolação, São Paulo – SP.

[Palestra] As palavras e a liberdade, com Elisa Lucinda

Palavra é poder, e é uma parte fundamental de cidadania. Nesta edição do projeto Aventuras do Pensamento, a poeta, cantora e atriz Elisa Lucinda conversa com crianças e adolescentes sobre as palavras: por serem algo tão usual em nosso dia a dia, às vezes deixamos de dar a elas o seu devido valor. É por meio delas que nos comunicamos, e que nos expressamos (verbal e artisticamente). Estão na base da literatura, da poesia, da dramaturgia e da canção – e também existem para se brincar com elas.

14/12, das 11h às 13h, na Caixa Cultural Rio de Janeiro, av. Rio Branco, 174, Rio de Janeiro, RJ. Grátis.

[Fórum] I Fórum sobre Direitos Migratórios

Com o intuito de compreender os fluxos migratórios para o Brasil, a ProMigra – extensão universitária da Faculdade de Direito da USP – realiza um encontro entre público e imigrantes que desenvolvem pesquisas, atuação artística, cultural e militância no país. Também estarão presentes integrantes de instituições brasileiras que atuam na promoção dos direitos humanos. Inscrições pelo link.

14/12, das 10h00 às 18h30, no Museu da Imigração, rua Visconde de Parnaíba, 1316, Mooca, São Paulo, SP. Grátis.

[Visita mediada] Museu, memórias e mulheres

O projeto Bonde da História aborda o papel e a representatividade das mulheres na história do Brasil a partir de itens da exposição de longa duração do Museu Histórico Nacional. Não é preciso agendamento prévio para participar e o encontro com os educadores acontece na recepção do museu.

15/12, das 14h às 15h30, no Museu Histórico Nacional, praça Marechal Âncora, s/n, Rio de Janeiro, RJ. Grátis.

[Debate] Prisões sem provas: como impedir?

A Ponte Jornalismo organiza o primeiro de uma série de debates que busca responder o que pode ser feito para que Polícia Militar, Polícia Civil, Ministério Público e Judiciário parem de encher os cárceres de inocentes. Participam Barbara Querino de Oliveira (ativista e dançarina), Dora Cavalcanti (advogada criminalista e conselheira nata do IDDD), Marcelo Dias ( educador social, criador da ONG SOS Forjados e presidente da ONG Novos Herdeiros Humanitários), Priscila Pamela Santos (advogada criminalista e diretora do IDDD) e Julio Militante (rapper, agitador cultural e articulador da Rede de Proteção e Resistência ao Genocídio junto ao Jardim Conceição).

16/12, às 19h, na Tapera Taperá, av. São Luis, 187, São Paulo, SP. Grátis.

[Palestra] Usp Talks – O futuro do planeta

Quatro especialistas discutem as consequências da crise ambiental global para o clima, os ecossistemas, a biodiversidade, as cidades e para as nossas próprias vidas. Thelma Krug, pesquisadora do INPE e vice-presidente do IPCC; Jean Paul Metzger, professor de Ecologia do Instituto de Biociências da USP; Carlos Joly, professor da Unicamp, coordenador do Biota Fapesp e da Plataforma BPBES e Gabriela Di Giulio, professora da Faculdade de Saúde Pública da USP.

16/12, às 18h30, no Masp, av. Paulista, 1578, São Paulo, SP. Grátis (distribuição de ingressos às 16h30, um por pessoa)

[Debate] Reforma urbana e transformação das periferias

A arquiteta, urbanista, professora, pesquisadora, e ativista Ermínia Maricato discute com o público alternativas para a reforma urbana. O encontro faz parte do projeto Diálogos Para Outro Brasil – Para pensar o país após o neoliberalismo, realizado pelo site Outras Palavras.

17/12, às 18h30, na Livraria Martins Fontes, rua Dr Vila Nova, 309, São Paulo, SP. Grátis

[Debate] Como superar o conservadorismo hoje

Com mediação de Heloisa Buarque de Hollanda, a filósofa e transfeminista Helena Vieira e a filósofa e feminista Tatiana Roque discutem de que forma a compreensão e superação do conservadorismo é fundamental para que sejamos capazes de pensar o futuro, seja em termos de gênero, sexualidade e tantos outros.

18/12, às 19h, na Blooks Livraria, Praia de Botafogo, 316, Rio de Janeiro, RJ. Grátis

[Exibição] O preto som das ruas

O coletivo Imagem e Som apresenta o primeiro episódio da série “O preto som das ruas”, sobre os bailes e a musicalidade negra. Dividido em quatro episódios, a série traz relatos de DJs, músicos e pesquisadores, além de frequentadores de bailes negros. A ideia é valorizar e resgatar a memória e a cultura negra da cidade de São Paulo.

19/12, das 12h às 14h e das 17h às 19h, no Cursinho Popular da Acepusp, rua da Consolação, 1909, São Paulo, SP. Grátis.