Notícia

Diário de Quixadá

Países registram segunda onda de infecções e mortes após reabertura econômica

Publicado em 14 junho 2020

Um novo aumento no número de casos e internações por Covid-19 foi registrado em diversos países semanas após reabrirem suas economias. O fenômeno, caracterizado como uma segunda onda de infecções, já vinha sendo alertado por cientistas desde o início da pandemia do novo coronavírus.

Várias unidades federativas nos Estados Unidos registraram aumento de casos e internações em decorrência da Covid-19. Novas infecções foram notificadas em 22 estados do país, semanas após promoverem processos de reabertura econômica. Mais casos voltaram a ser registrados em países como Itália, Suécia, Japão e Coreia do Sul — este um dos países mais bem-sucedidos em conter a pandemia em seu território, tendo virado exemplo internacional na contenção da doença.

No Brasil, um grupo de pesquisadores formado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e pela Fundação Getulio Vargas (FGV), publicou na revista científica Fapesp uma análise sobre uma possível nova onda no País.

A projeção feita pela equipe ainda em março considerou o aumento da movimentação do vírus nas metrópoles. Com a reabertura econômica adotada por vários estados e cidades brasileiras, as chances de uma crescente no número de infecções é alta.