Notícia

O Globo

Os índices e seus limites

Publicado em 25 setembro 2017

Por Abel L. Packer e Rogerio Meneghini
Em meio ao turbilhão de problemas que toma conta da vida nacional, o ano de 2017 trouxe uma grata notícia: o avanço no desempenho das revistas científicas do Brasil. Semelhante ao que acontece na economia, no circuito competitivo da publicação dos resultados científicos são adotadas métricas que tentam mensurar (e, claro, comparar) o desempenho entre revistas e entre países. A mais tradicional delas é o Fator de Impacto (FI). A matemática é baseada no número de vezes que os artigos de uma revista publicados nos últimos dois [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.