Notícia

Correio Popular online

Oliveira Neto assume a Educação

Publicado em 30 dezembro 2005

Por Raquel Lima, da Agência Anhanguera (rlima@rac.com.br)
Substituto de Helena Costa Lopes de Freitas já foi diretor-executivo da Fumec

O ex-diretor-executivo da Fundação Municipal para Educação Comunitária (Fumec), Graciliano de Oliveira Neto, é o novo secretário de Educação de Campinas. A nomeação foi publicada na edição de ontem do Diário Oficial do Município (DO). Filiado desde fevereiro deste ano ao PDT, partido do prefeito Hélio de Oliveira Santos, Oliveira Neto disse que tem como "prioridade zero" a solução do déficit de vagas em creches. "Mas não dá para fazer milagres". O desafio é criar 13 mil novas vagas em creches em 39 meses, a contar de dezembro de 2004, para atender uma determinação da Justiça.
O secretário cuidará de um orçamento de R$ 311 milhões, contra R$ 274 milhões em 2005. Em reunião com Hélio nesta semana, Oliveira Neto disse ter o compromisso do prefeito de que possíveis contigenciamentos de verba no ano que vem serão destinados, prioritariamente, para Educação e Saúde.
Oliveira Neto declarou que vai manter as propostas de sua antecessora, Helena Costa Lopes de Freitas, que assumiu o cargo deixado pelo ex-reitor da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) Hermano Tavares, que foi convidado para assumir a recém fundada Universidade Federal do ABC.
As propostas prevêem que a partir de 2006, todas as Escolas Municipais de Ensino Fundamental (Emefs) deverão implantar a escola de nove anos para as crianças de 6 anos, que ingressam no próximo ano. Ou seja, os alunos passarão a estudar um ano a mais (será criado um período entre o pré e a 1 série). Também a partir do ano que vem, começa a implementação gradativa nas Emefs de um ciclo inicial de alfabetização. Serão três ciclos e as crianças passarão a ser avaliadas ao final de cada um deles. A medida visa diminuir o índice de repetência em Campinas, que hoje estaria em 15%.
O prefeito não definiu quem ocupará a direção da Fumec.

Secretário é formado em Farmácia
Nascido em Santos (SP), Graciliano de Oliveira Neto é formado em Farmácia e Bioquímica pela Universidade de São Paulo (USP), fez doutorado em Química pelo Instituto de Química da USP e pós-doutorado em Química pela Universidade de New Orleans, nos EUA. É professor titular aposentado do Instituto de Química da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Na vida acadêmica, foi coordenador de Graduação do Curso de Química da Unicamp e diretor Associado do Instituto de Química da mesma universidade; coordenador da Área de Química da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP), entre outras funções.