Notícia

Brasilagro

O Rural na Era Digital: workshop discute mudanças na produção agrícola e pecuária

Publicado em 28 novembro 2017

Pesquisadores, empresários e especialistas em agricultura de precisão, agropecuária digital e inovações voltadas para a produção agrícola participam no próximo dia 29 do Workshop eScience: O Rural na Era Digital. As apresentações e debates do evento terão foco na e-Agriculture, área de pesquisa que utiliza tecnologia da informação para identificar, gerenciar e oferecer soluções a desafios para as atividades da produção rural.

O workshop, que acontece na FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), vai abordar temas relacionados às mudanças climáticas, fauna, flora, conectividade digital, uso de microssenssores para coleta de dados, Internet das Coisas (IoT) e coleta e análise de grandes volumes de dados (Big Data).

O evento é promovido pelo Programa FAPESP de Pesquisa em eScience, que apoia projetos que integram a modelagem computacional e infraestrutura de dados e pesquisas em diversas áreas do conhecimento.

Também estarão em pauta temas como digitalização da lavoura, infraestrutura digital para armazenamento de informações, métodos computacionais para análise de dados agrometeoroló

Participam do evento pesquisadores da Embrapa Instrumentação, em São Carlos (SP), e da Embrapa Informática Agropecuária (CNPTIA), na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp); do Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações (CPqD); da Faculdade de Engenharia Agrícola da Unicamp; do Departamento de Solos da Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias de Jaboticabal, na Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp); do Instituto de Zootecnia, ligado à Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo; e da Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz", da Universidade de São Paulo (Esalq-USP).

Empresas inovadoras

A programação do evento também inclui relatos de projetos de pesquisa realizados por cinco empresas apoiadas pelo Programa FAPESP Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas (PIPE), três deles sobre tecnologias para inovar o sistema de produção de cana-de-açúcar.

A GPS Agrimensora, por exemplo, trabalha em uma tecnologia de código aberto baseada em levantamento topográfico de canaviais para posicionamento preciso de equipamentos para plantio e colheita. Produzidas por diferentes fabricantes, as máquinas são equipadas com pilotos automáticos orientados por sistemas de posicionamento específicos.

O projeto da IDGeo – Inteligência em Dados Geográficos, por sua vez, utiliza sensores remotos para detectar, informar gestores e avaliar alterações no canavial em curtos espaços de tempo, contribuindo para aumento da qualidade da planta e longevidade das lavouras.

Já a Terratecno Geotecnologias vai apresentar sua solução para extração de informação de imagens aéreas captadas por drones. O objetivo da empresa é elaborar relatórios precisos para tomada de decisão por produtores de pequenas e médias usinas sobre replantio ou outros tipos de intervenções necessárias no canavial.

Outro projeto a ser apresentado no workshop é o da Farm Solutions, também apoiada pelo PIPE da FAPESP. A empresa desenvolve um sistema automatizado de coleta de informações confiáveis para facilitar a operação de tratores agrícolas. Os dados coletados por um controlador eletrônico são transmitidos em tempo real aos gestores do processo por meio de uma plataforma personalizada.

A apresentação da MVisia será sobre uma tecnologia que envolve visão computacional e inteligência artificial. A empresa criou um sistema capaz de analisar imagens de mudas de plantas e classificá-las de acordo com o seu nível de qualidade. A tecnologia foi aplicada na construção do protótipo de um equipamento para seleção e inspeção de mudas de eucalipto.

O workshop será encerrado com o relato da instalação do Centro de Inovação no Agronegócio (CIAg), concebido no modelo parceria público-privada entre a Faculdade de Tecnologia (Fatec) Shunji Nishimura de Tecnologia e a Jacto Máquinas Agrícolas, em Pompeia, interior de São Paulo. O Centro é parte da estratégia, que também envolve uma aceleradora de startups, para criar um ecossistema de inovação para o setor agrícola naquela região.

Workshop eScience: O Rural na Era Digital

Data e horário: 29 de novembro de 2017, das 9h às 16h30

Local: auditório da FAPESP, rua Pio XI, 1.500, Alto da Lapa, São Paulo

Mais informações e inscrições: www.fapesp.br/eventos/ead

(Agência Fapesp, 28/11/17)