Notícia

Melhor RH

“O melhor plano de saúde é ser saudável”

Publicado em 12 agosto 2021

Por Bianca Lucarelli

Pandemia acelerou a busca das empresas por soluções de healthtech para monitoramento da saúde dos colaboradores

O RH está buscando por melhores avaliações de risco de saúde para seus colaboradores, a fim de reverter estilos de vida não saudáveis. E os números não são nada favoráveis.

Segundo um estudo da Agência FAPESP, 34% dos fumantes aumentaram o número de cigarros consumidos por dia e 17,6% das pessoas aumentaram o consumo de álcool durante a pandemia. E o percentual dos que realizavam atividades físicas semanais caiu de 30,4% para 12,6%. De acordo com a pesquisa do instituto Ipsos, encomendada pelo Fórum Econômico Mundial, 53% dos brasileiros declararam que seu bem-estar mental piorou um pouco ou muito no último ano.

O momento das soluções de healthtech

“O mundo digital veio para ficar e a pandemia só acelerou as soluções de healthtech”, conta Vera Bejatto, co-founder do Avatar da Saúde, aplicativo com várias funcionalidades relacionadas às 7 saúdes: mental,  física, social, espiritual, financeira, cultural e ambiental. “O melhor plano de saúde é ser saudável”, reforça.

Os algoritmos inteligentes do Avatar da Saúde rastreiam a sinistralidade do plano médico e propõem ações mais completas, avaliando a saúde de forma holística, com reforços diários por pushs, comunicados, dicas de saúde, vídeos e várias estratégias de Onboarding no ambiente corporativo. 

“São vários chabots para os temas mais impactantes como gestantes, diabetes, hipertensão, nutrição e mental.  O app tem uma Trilha da Saúde com missões e gamificação para gerar medalhas e troféus como um campeonato da saúde”, explica Vera.

Mapeamento e estado emocional

Para fazer o mapeamento da saúde e estado emocional do usuário, segundo Vera, é necessário realizar um questionário de levantamento dos hábitos e estilo de vida. “O usuário preenche o questionário e recebe, na hora, um ranking como o farol da saúde (vermelho, amarelo e verde) consignado pelo seu estilo de vida identificado no app”, diz Vera.

Além disso, o app possui um hub de saúde, com emojis que registram o humor diariamente. E com esse registro o usuário poderá acumular seu estado de espírito e assim evitar surgimento de doenças emocionais com orientações junto a profissionais da saúde.

O registro de humor foi útil, principalmente, durante a pandemia. Devido ao isolamento social,  pessoas mais suscetíveis foram potencializadas com casos de ansiedade e depressão, no entanto foram identificados por esses questionários.

“A pandemia piorou o equilíbrio emocional das pessoas, o que agravou ainda mais aqueles que já eram suscetíveis e trouxe novos pacientes com problemas emocionais e mentais. Mas existem diversas formas de atenuar essa situação, através de identificação”, ressalta Vera.

Saúde importa

Durante a pandemia o Avatar da Saúde foi procurado por diversas empresas a fim de melhorar os estados de saúde dos seus empregados. Em um dos casos, uma empresa com 18.000 empregados utilizou o Avatar para o levantamento de dados e obteve uma adesão de 97%.

Os médicos do Ambulatórios e o RH tiveram acesso a todos os indicadores de saúde mapeados com gráficos extraídos do BI do app. Os médicos receberam indicadores com nomes e os indicadores do RH anônimos para garantir os protocolos da LGPD. 

Identificação

Foram identificados diversos usuários com diabetes e não sabiam, pressão alta e não tinham conhecimento, excesso de peso, problemas posturais, problemas de pele, cardiológicos, enfim, informações importantíssimas e frescas para uma tomada de decisão mais assertiva e eficiente no quesito saúde preditiva.

“Uma vida vale muito e não basta tratar as enfermidades. É preciso uma atitude ativa e responsável para buscar a prevenção, adotando hábitos saudáveis diariamente”, complementa Vera.