Notícia

Brasileiros online

O adeus de Paulo Vanzolini

Publicado em 29 abril 2013

Gênio da música e da zoologia, Paulo Vanzolini morreu neste domingo, dia 28, aos 89 anos – vítima de complicações decorrentes de uma pneumonia –, deixando um grande legado para as ciências e para o samba brasileiro.

O compositor estava internado desde a noite da última quinta-feira, dia 25, data de seu aniversário, na UTI do hospital Albert Einstein, em São Paulo.  Velório e enterro, fechados para a família, serão realizados nesta segunda-feira, respectivamente no próprio hospital e no Cemitério da Consolação.

Autor de clássicos como “Ronda”, “Volta por Cima” e “Praça Clóvis”, Vanzolini foi um dos ícones do samba paulistano, tendo sido interpretado por grandes nomes como Chico Buarque, Maria Bethânia e Paulinho da Viola.

Como zoólogo, ativo até o fim da vida, foi um dos idealizadores da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) e ativo colaborador do Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo. Pelos trabalhos realizados como cientista, foi agraciado com a Grã-Cruz da Ordem Nacional do Mérito Científico e premiado pela Fundação Guggenheim, em Nova York.