Notícia

Jornal Cana online

Novas variedades de cana para clima seco

Publicado em 29 novembro 2006

Novas variedades de cana-de-açúcar deverão ser lançadas no próximo ano pelo Centro de Tecnologia Canavieira (CTC). A expectativa é de sejam lançadas de três a quatro novas variedades de cana voltadas para os mercados do Mato Grosso, Goiás e Mato Grosso do Sul, em investimentos de US$ 12 milhões a US$ 15 milhões, segundo Osmar Figueiredo Filho, diretor de mercado e novas oportunidades do CTC.
Essas variedades deverão ser adaptadas para mecanização. Segundo Figueiredo Filho, o CTC continua as pesquisas com cana transgênica.
Desde 2004, quando deixou de ser um centro de pesquisa voltado para as usinas da Copersucar, o CTC, com sede em Piracicaba (SP), lançou nove novas variedades. Sob a gestão da Copersucar, o CTC colocou no mercado mais de 50 variedades de cana desde 1969.
A abertura do CTC para as novas usinas permitiu um acesso maior à tecnologia sucroalcooleira, antes restrita a cerca de 30 usinas. Em sua nova gestão, o CTC conta com 132 associadas, dos quais 17 são associações de plantadores de cana e outras 115 são usinas.
Com um orçamento de cerca de R$ 30 milhões, oriundos de contribuição de sua associadas, o CTC também mantém parcerias com empresas, como a Dedini, para o desenvolvimento de novas variedades, e conta com financiamento da Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo). Nos últimos quatro anos, a Fapesp financiou cerca de US$ 4 milhões no total, segundo o professor Carlos Henrique de Brito Cruz, diretor científico da fundação.