Notícia

MCTIC - Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações

Nota de esclarecimento ao jornal O Globo

Publicado em 13 setembro 2011

Por SABINE RIGHETTI

Em atenção à matéria "ONGs, da CPI a novos contratos", publicada no caderno País, de O Globo, edição de domingo (11), o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação lamenta não ter sido consultado pela reportagem e informa que a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) liberou nos últimos dois anos R$ 3.457.073,67 para o Instituto Uniemp em três convênios assinados nos anos de 2006 e 2007.

O Instituto Uniemp, na qualidade de fórum permanente das relações universidade-empresa, tem por finalidade o desenvolvimento institucional, a promoção da educação e da pesquisa. Tem entre os seus fundadores:

Amarílio Proença de Macêdo - presidente do Grupo J. Macedo; Carlos Vogt - reitor da Unicamp; Carlos Alberto Schneider - superintendente da Fundação Certi e professor da UFSC; Edson Vaz Musa - presidente da Rhodia; Esper Abrão Cavalheiro - pró-reitor de Pós-Graduação e Pesquisa EPM; Hermann Wever - presidente da Siemens; João Guilherme Sabino Ometto - presidente do Grupo Coopersucar; Jorge Gerdau Johannpeter - presidente do Grupo Gerdau; José Ephim Mindlin - presidente da Metal Leve; Jessen Vidal - reitor do ITA; Nelson Maculan Filho - reitor da UFRJ; Ney Bittencourt de Araújo - presidente da Agroceres; Paulo Milton Barbosa Landim - reitor da Unesp; Rolf Leeven - presidente da Bosch Brasil; Roberto Leal Lobo e Silva Filho - reitor da USP; Sebastião Kuri - reitor da UFSCar.

Queremos informar ainda que entre as dezenas de empresas e instituições de pesquisa que trabalham com a Uniemp estão: Brasken; Cristalia; Embraer; Embrapa; Petrobras; Rhodia; Sadia; Suzano Papel e Celulose; Telefônica; Votorantin; Unesco; Fapesp; e Fundação Roberto Marinho.

As liberações foram feitas com base na correção do desempenho apresentado durante a execução dos projetos. A prestação de contas dos contratos será realizada em 2012 e posteriormente será elaborado o relatório final de avaliação.

Rede de células combustíveis do tipo membrana condutora de prótons - ano: 2006

Valor: R$ 1.0257.073,67

Data da última liberação: 27/06/2011

Rede cooperativa Pilha a Combustível de Óxido Sólido - ano: 2006

Data da última liberação: 24/05/2011

Valor: R$ 1,2 milhão

Recuperar a infraestrutura das unidades de pesquisa da Cnen - ano: 2006

Data da última liberação: 09/02/2011

Valor: R$ 1,2 milhão

Assessoria de Comunicação Social (Ascom) do MCTI