Notícia

Psique Ciência & Vida

Neurociência Premiada

Publicado em 01 dezembro 2010

A Sociedade Brasileira de Neurociências e Comportamento (SBNeC) concedeu dois prêmios, durante reunião ocorrida em setembro, em reconhecimento ao conjunto de contribuições de pesquisas às neurociências. Dora Selma Fix Ventura, professora do Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo (USP), recebeu a Medalha Neurociências Brasil, e Rafael Linden, professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), foi agraciado com o Prêmio César Timo-Iaria. A Medalha Neurociências Brasil vem sendo outorgada desde 2006, por ocasião do Congresso Anual da SBNeC, ocorrido em Caxambu (MG). Já o prêmio faz uma homenagem ao professor César Timo-Iaria, um dos pioneiros da Neurociência no Brasil. Em 2009, o prêmio foi concedido a um discípulo de Timo-Iaria, Miguel Nicolelis, da Universidade Duke, nos Estados Unidos.

Linha de pesquisa - Dora fundou em 1968 o Laboratório de Psicofisio-logia Sensorial no Instituto de Psicologia da USP, para estudar mecanismos neurais da visão, principalmente da visão de cores, por meio de métodos comportamentais e eletrofisiológicos. Também fundou o Laboratório da Visão, setor de pesquisa aplicada em Psicofísica e Eletrofisiologia Visual Clínica para o estudo de doenças neurodegenerativas do sistema visual. Linden atua nas áreas de Neurociência, Fisiologia Celular e Biologia do Desenvolvimento. As linhas de pesquisa de seu laboratório incluem os temas: Neurodegeneração, Desenvolvimento do Sistema Nervoso, Terapias Gênica e Celular e Biologia de Príons. (FONTE: Agência Fapesp)