Notícia

GVces - Centro de Estudos em Sustentabilidade

Navio hidroceanográfico Cruzeiro do Sul - Pesquisa no mar

Publicado em 05 março 2009

Agência FAPESP - O navio hidroceanográfico Cruzeiro do Sul foi apresentado nesta quarta-feira (4/3) à comunidade científica, em Niterói (RJ).

A embarcação, destinada ao projeto Laboratório Nacional Embarcado (LNE), foi adquirida por meio de convênio firmado em 2006 entre a diretoria de Hidrografia e Navegação (DHN) e a Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa (Fundep).

O navio realizará pesquisas nas áreas de oceanografia física, química e biológica, meteorologia e batimetria, o que permitirá seu emprego em trabalhos voltados para o ambiente marinho. Segundo o Ministério da Ciência e Tecnologia, serão disponibilizados cerca de 80 dias de mar por ano à comunidade acadêmico-científica, para atividades e projetos de pesquisa afins.

O Cruzeiro do Sul será operado e mantido pela DHN, por intermédio do Grupamento de Navios Hidroceanográficos (GNHo), e com a supervisão técnico-científica do Centro de Hidrografia da Marinha (CHM). Os recursos para a aquisição do navio foram concedidos pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), com contrapartida da Marinha.

O navio é equipado com ecobatímetro monofeixe para grandes profundidades, software para levantamentos hidrográficos automatizados, ADCP (perfilador de correntes que mede automaticamente perfis verticais da velocidade e direção das correntes oceânicas) e termossalinógrafo (que mede a temperatura e a salinidade da água do mar à superfície que são registradas automaticamente durante os deslocamentos do navio).

Além disso, encontra-se em operação uma Estação Meteorológica Automática, que registra os principais parâmetros meteorológicos na superfície, como temperatura do ar, velocidade e direção do vento e pressão atmosférica.

Os intervalos para registros gráficos podem ser arbitrados de acordo com o interesse do usuário. Essas informações, além de fornecer subsídios para as operações do navio, são utilizadas em apoio ao Serviço Meteorológico Marinho, operado pelo CHM.

Ainda em março, o navio receberá outros equipamentos, incluindo um conjunto CTD-Rosette - sensores que medem os principais parâmetros físico-químicos da água do mar, tais como temperatura, salinidade, pressão hidrostática e oxigênio dissolvido.

Mais informações: www.mar.mil.br