Notícia

Valor Econômico

Não há bolsa que chegue

Publicado em 16 abril 2010

Por Luciano Máximo
Na última década, a formação de mestres e doutores no Brasil cresceu mais de 100%, com quase 50 mil profissionais titulados a cada ano. O país está hoje em 13º lugar no ranking dos países que mais publicam artigos científicos. Os orçamentos das principais agências governamentais de fomento à produção científica aumentaram de modo significativo e ampliou-se a concessão de bolsas de estudo em todas as áreas do conhecimento. Somando Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), subordinada ao [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.