Notícia

UNICAMP - Universidade Estadual de Campinas

Na Estação Guanabara, Consu realiza sessão ordinária e premia alunos de iniciação científica

Publicado em 25 novembro 2008

Com o objetivo de apresentar aos membros do Conselho Universitário (Consu) o espaço da Estação Guanabara, plenamente devolvido à população de Campinas após restauração realizada pela Campinas Décor, a Unicamp realizou lá, nesta terça-feira (25), a 110ª Sessão Ordinária do Consu. Foi uma excelente oportunidade para os representantes da Universidade conhecerem o Centro Cultural de Inclusão e Integração Social da Unicamp (CIS-Guanabara), órgão da Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários (Preac). “É uma satisfação enorme para a Unicamp viabilizar esse espaço”, resumiu o reitor José Tadeu Jorge.

Pelo terceiro ano consecutivo, durante a abertura, foi realizada a cerimônia de entrega dos certificados de premiação dos 20 melhores trabalhos apresentados no XVI Congresso Interno de Iniciação Científica da Unicamp, realizado nos dias 24 e 25 de setembro de 2008. “Esse é o momento de valorizar e reconhecer as atividades de iniciação científica desenvolvida pelos estudantes, pelos docentes e até por servidores da Unicamp”, garantiu o pró-reitor de Pesquisa, Daniel Pereira. Vale ressaltar que dos 20 alunos premiados, 16 são bolsistas Pibic/CNPq, 3 são bolsistas Fapesp e 1 tem bolsa SAE.

Segundo Pereira, esse ano o Congresso teve número recorde de trabalhos inscritos, chegando a quase 1.200. Para o pró-reitor, a cada ano dois desafios se apresentam e são considerados de grande dificuldade. O primeiro deles refere-se à organização, especialmente do ponto de vista da logística, das comissões e dos pareceres. O segundo refere-se, claramente, na manutenção e ampliação da qualidade do evento. “Nesses dois casos eu vejo que a Unicamp responde sempre muito positivamente. Com certeza esses trabalhos são representativos da qualidade da pesquisa que se faz na Unicamp. O congresso é um momento que reflete o dinamismo que a Universidade tem nas atividades de ensino, pesquisa e extensão”, assegurou Pereira. Confira abaixo a lista com os nomes dos alunos e seus orientadores, contemplados com o certificado e uma premiação de R$ 3 mil.

Área: Artes e Humanas

Orientador – Hermes Renato Hildebrand - IA

Acadêmico – Enric Granzotto Llagostera

Orientadora – Márcia Azevedo de Abreu – IEL

Acadêmica – Flávia Danielle Sordi Silva

Orientadora – Claudete de Castro Silva Vitte - IG

Acadêmico – Guilherme Ferreira dos Santos

Orientador – José Alves de Freitas Neto - IFCH

Acadêmica – Ivia Minelli

Orientador – Marco Antonio Coelho Bortoleto - FEF

Acadêmico – Pedro Henrique Godoy Gandia Pinheiro

Área: Biomédicas

Orientadora – Valéria Helena Alves Cagnon Quitete - IB

Acadêmico – Fábio Montico

Orientadora – Sara Teresinha Olalla Saad - FCM

Acadêmico – Flávio Araújo Borges Junior

Orientadora – Iscia Teresinha Lopes Cendes – FCM

Acadêmica – Kellen Manoela Siqueira

Orientador – Aníbal Eugenio Vercesi - FCM

Acadêmico – Rafael Garcia

Orientadora – Marlies Sazima – IB

Acadêmico – Vinícius Lourenço Garcia de Brito

Área: Exatas

Orientador – Julio César Hadler Neto - IFGW

Acadêmico – André Leon de Oliveira

Orientador – Lauro Tatsuo Kubota - IQ

Acadêmica – Daiana Suelen Machado

Orientadora – Ana Flávia Nogueira - IQ

Acadêmica – Lívia Mesquita Dias Loiola

Orientador – Patrício Aníbal Letelier Sotomayor - IMECC

Acadêmico – Rodrigo Ribeiro de Abreu

Área: Tecnológicas

Orientadora – Hélia Harumi Sato - FEA

Acadêmica – Ana Carla Grigolon Rodrigues

Orientador – Gustavo Paim Valença - FEQ

Acadêmica – Bárbara Flaibam

Orientador – Kil Jun Park - FEAGRI

Acadêmico – Bruno Silva Oliveira

Orientadora – Vanessa Gomes da Silva - FEC

Acadêmico – Felipe Lopes de Paula

Orientador – Anselmo Eduardo Diniz - FEM

Acadêmico – Germano Sonhez Simon Filho

Orientador – Ivanil Sebastião Bonatti – FEEC

Acadêmico – Luciano Antonio Frezzatto Santos