Notícia

Estadão.com

Mutação no vírus pode ter acelerado epidemia de zika

Publicado em 17 maio 2017

Por Fábio de Castro
Cientistas chineses identificaram uma mutação no vírus da zika que pode ter sido responsável pelo rápido alastramento da doença na epidemia nas epidemias da Polinésia Francesa (2013/2014) e da América do Sul (2015/2016). De acordo com os autores da pesquisa, a mutação identificada no zika aumenta a secreção da proteína NS1. Estudos anteriores já haviam mostrado que essa proteína está associada ao processo de aquisição de flavivírus - o grupo ao qual pertencem os vírus da zika e da dengue - pelos mosquitos. No novo estudo, [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.