Notícia

O Presente Rural online

MSD Saúde Animal é uma das patrocinadoras do III SIMPORK 2019

Publicado em 22 março 2019

Durante os dias 27, 28 e 29 de março, a MSD Saúde Animal participará da 3ª Edição do Simpósio Internacional de Produção e Sanidade Suína (Simpork), que acontece no campus da Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias da Universidade Estadual Paulista (FCAV/Unesp), em Jaboticabal, no interior de São Paulo.

A MSD Saúde Animal é uma das patrocinadoras do evento, que deve reunir cerca de 400 participantes, entre médicos-veterinários, pesquisadores, empresários e profissionais das principais empresas da suinocultura brasileira e internacional, para discutir as principais tendências do mercado relacionadas a sanidade, nutrição, reprodução e genética, manejo e bem-estar animal.

O apoio ao simpósio está alinhado com os objetivos da companhia junto aos suinocultores e veterinários do setor: elevar a qualidade da produção, por meio de técnicas avançadas de sanidade animal. “Acreditamos que eventos como esse vão além da atualização técnica dos profissionais pois ajudam os produtores a evitarem prejuízos econômicos e manterem a sanidade da granja”, diz Brenda Marques, coordenadora de Assistência Técnica da MSD Saúde Animal.

O evento, realizado pelo Laboratório de Pesquisa em Suínos da Unesp, Campus de Jaboticabal, tem ainda o apoio de algumas das mais importantes entidades do setor, como Associação de Médicos Veterinários Especialistas em Suínos, Associação Paulista de Criadores de Suínos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp).

O Brasil é o quarto maior produtor e exportador mundial de carne suína e a troca de informações promovida pelo Simpósio contribui para o aumento da competitividade e conhecimento de um segmento que apresenta tendências de crescimento e oportunidades de negócios para o País. “A suinocultura brasileira está cada vez mais fortalecida e produtiva. A realização de importantes eventos técnicos, como o Simpork, intensifica a discussão sobre o aumento da produtividade”, afirma Brenda.

Fonte: Assessoria