Notícia

Mais Expressão

Mostra apresenta fotos sobre estudos de impacto apoiados pela Fapesp

Publicado em 26 novembro 2018

Até 7 de dezembro, a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) promove, na capital, a exposição “Pesquisa é Desenvolvimento”, que reúne 25 fotos representativas de estudos de impacto apoiados pela entidade e conduzidos em instituições de ensino e pesquisa paulistas.

Com entrada gratuita, a mostra está em exibição no Espaço Cultural IV Centenário da Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp), com o objetivo de destacar a contribuição dos estudos para o desenvolvimento social e econômico do Brasil.

Vale destacar, ainda, que a exposição conta com o apoio do Instituto do Legislativo Paulista (ILP), órgão da Alesp. O visitante conhecerá projetos científicos em diversas áreas do conhecimento. As imagens são acompanhadas de textos explicativos sobre as pesquisas, além dos programas da Fapesp aos quais estão ligados.

As fotografias apresentam inovações na saúde, como a vacina da dengue, a formação da Rede Zika e o desenvolvimento de equipamentos e processos que melhoram a qualidade de vida de doentes, estudos em biotecnologia e manejo sustentável, centros de Pesquisa em Engenharia da Fapesp que reúnem empresas privadas e universidades, bem como processos e produtos desenvolvidos por algumas das mais de 1,2 mil empresas apoiadas pelo programa Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas (Pipe).

Trabalhos

São exibidos trabalhos realizados pelos Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPIDs), que desenvolvem pesquisas de longo prazo, de alto impacto e na fronteira do conhecimento, dos programas BIOEN (bioenergia), BIOTA (biodiversidade) e Mudanças Climáticas Globais e da participação dos pesquisadores em grandes projetos, como o Sirius e o Observatório Astronômico de Cerro Tololo, no Chile.

“A exibição retrata alguns dos resultados mais interessantes das pesquisas financiadas pela fundação, além de mostrar a qualidade da capacitação científica e tecnológica do Estado”, salienta Carlos Américo Pacheco, diretor-presidente do Conselho Técnico-Administrativo da Fapesp.

“Neste momento, em que encerramos mais um ciclo de trabalho, apresentamos a toda a sociedade a exposição como mais uma das iniciativas que marcam o trabalho conjunto entre ILP e Fapesp, destacando a importância da pesquisa como alicerce do desenvolvimento e como elemento transformador da realidade paulista”, ressalta Vinicius Schurgelies, diretor-presidente do Instituto.

Eventos

Desde outubro de 2017, as duas entidades realizam, na Assembleia Legislativa de São Paulo, o Ciclo ILP-FAPESP de Ciência e Inovação, com eventos mensais de divulgação científica. Nesta segunda-feira (26), das 15 h às 17 h, ocorrerá o último evento do ano, com o tema “Inteligência Artificial”.

O Ciclo ILP-FAPESP já apresentou palestras sobre onze assuntos, ministradas por 45 pesquisadores. Os temas cobrem as diversas áreas da pesquisa científica e tecnológica, como arboviroses, recursos hídricos, migrações humanas, inovações na saúde, obesidade, câncer, mobilidade e cidades inteligentes, entre outros.