Notícia

Folha de S. Paulo

Ministro Amaral defende programa nuclear brasileiro, mas sem bomba

Publicado em 01 outubro 2003

Com um discurso de tom nacionalista, o ministro da Ciência e Tecnologia, Roberto Amaral, defendeu ontem o programa nuclear brasileiro. Dessa vez, no entanto, o ministro ressalvou que não se tratava de bomba atômica. "Programa nuclear não é bomba atômica. Este país, que não tem programa nuclear militar, não quer ter, não pensa em tê-lo, não precisa tê-lo, é um país de tradições pacíficas", disse Amaral. O ministro fez críticas aos países que têm bombas atômicas e disse que, como "o Brasil nunca soltou bomba atômica", [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.