Notícia

UFPB - Universidade Federal da Paraíba

Minicurso online sobre estudos para paz e crime organizado está com inscrições abertas

Publicado em 04 novembro 2021

O Departamento de Relações Internacionais da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), em cooperação com o Núcleo de Pesquisa em Relações Internacionais da Universidade de São Paulo (NUPRI-USP) promoverão o minicurso “Interfaces entre Estudos para Paz e Crime Organizado”. O evento, ministrado pelo professor da UFPB Marcos Alan Ferreira, acontece nos dias 10, 17 e 24 de novembro, de forma online, e oferece 120 vagas. As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas até o dia 5 de novembro por meio de formulário eletrônico.

O Prof. Marcos Alan, que atualmente é Pesquisador Visitante no NUPRI-USP, contou que o minicurso surgiu a partir da sua experiência atual de licença capacitação no Núcleo. “O minicurso visa discutir como uma área que surgiu nos anos de 1950, que são os estudos para paz, pode ajudar a entender a questão do crime organizado, que é uma temática bastante relevante no Brasil e na América Latina como um todo”, explicou o docente.

O curso é destinado aos discentes de graduação e pós-graduação, preferencialmente, das áreas de Ciência Política e Relações Internacionais. Para se inscrever não é necessário ter conhecimentos prévios sobre o tema. Serão realizadas leituras semanais sobre o assunto e discussões sobre os chamados Estudos Críticos de Paz e seu diálogo com a realidade latino-americana.

“A ideia do minicurso é discutir os pressupostos teóricos dos estilos de paz, como eles se aplicam para a questão do crime organizado e também mostrar alguns estudos de casos a partir da realidade brasileira, como por exemplo, áreas que são controladas pelo crime, e discutir os pressupostos teóricos dos estilos de paz e como o Estado poderia aplicá-los nesses casos”, explicou o docente.

O evento tem apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP). Para mais informações sobre o minicurso, os interessados deverão entrar em contato pelo e-mail do núcleo de pesquisa nupri@usp.br.