Notícia

Maxpress

Mestrado em Engenharia Mecânica da FEI está com inscrições abertas

Publicado em 19 janeiro 2012

Os interessados em ampliar conhecimentos nas áreas de Materiais e Processos, Produção ou Sistemas da Mobilidade têm até 17 de fevereiro de 2012 para fazer a inscrição no curso de pós-graduação stricto sensu em Engenharia Mecânica do Centro Universitário da FEI (Fundação Educacional Inaciana). Com cinco linhas de pesquisas, o curso é ministrado no campus São Bernardo (avenida Humberto de Alencar Castelo Branco, 3.972, bairro Assunção), com aulas às segundas e sextas-feiras, das 18h30 às 22h10.

Em 'Materiais e Processos', a pesquisa versa sobre o tema 'Processamento e Desempenho de Materiais'. Já em 'Produção', há duas linhas de pesquisas: 'Estratégia, Organização e Gestão da Operação' ou 'Modelagem, Otimização e Controle de Processo'. Na área de 'Sistemas da Mobilidade', os alunos podem optar por pesquisas em 'Propulsão e Energia' ou 'Dinâmica e Controle'. O mestrado pode ser concluído em até 36 meses, sendo que no primeiro ano o mestrando deve atender às aulas, ministradas em três quadrimestres. As aulas começam em 5 de março.

O objetivo do programa de mestrado da FEI é apresentar os mais novos conceitos e tendências das áreas citadas, essenciais para aqueles que têm interesse em aperfeiçoar seu desenvolvimento profissional. O programa conta com professores de forte embasamento teórico, aliado a larga competência experimental. Os laboratórios permitem aprendizado prático e a transformação de novas ideias em novos produtos e processos, aliando projetos de pesquisa e desenvolvimento às necessidades industriais.

COORDENAÇÃO - A coordenação do curso é feita pelo professor doutor Agenor de Toledo Fleury, engenheiro mecânico pelo ITA (Instituto Tecnológico de Aeronáutica), mestre e doutor em Engenharia Mecânica pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo Poli/USP. Fleury foi pesquisador do INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) e do IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas), trabalhou na Embraer e na SPAR Aerospace Co., do Canadá, onde se especializou em Engenharia de Sistemas Aeroespaciais.

Mais informações podem ser obtidas no campus SBC, no telefone 11-4353-2910, ou no portal da FEI - www.fei.edu.br. O curso conta com 19 professores em tempo integral. Veja quem são:

Adriana Martinelli Catelli de Souza - possui graduação em Engenharia de Materiais com ênfase em Materiais Poliméricos e mestrado em Ciência e Engenharia dos Materiais ambos pela Universidade Federal de São Carlos. Doutorado e pós-doutorado em Engenharia de Materiais pela USP. Atua principalmente nas seguintes áreas: blendas (misturas) poliméricas, reologia, morfologia, compatibilização, estudos de interface e tensão interfacial entre polímeros.

Alexandre Augusto Massote - graduado em Engenharia Mecânica pela FEI e mestre em Engenharia de Produção - área de pesquisa operacional, pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Concluiu doutorado em Engenharia de Produção na Poli/USP. Desenvolveu projetos sobre aumento da produtividade e redução de custos e sua área de atuação é concentrada em pesquisa operacional - modelagem, análise e simulação, educação em engenharia de produção, engenharia econômica, e planejamento e controle da produção.

Baltus Cornelius Bonse - graduado em Engenharia Química pela Universidade Federal de São Carlos, fez mestrado e doutorado em Ciência e Engenharia de Materiais na Universidade Federal de São Carlos Atua principalmente nas áreas de compósitos poliméricos reforçados com fibras naturais e sintéticas e aproveitamento de resíduos.

Eric Conrado de Souza - graduado em Engenharia Mecatrônica, com mestrado e doutorado em Engenharia Mecânica pela USP. Suas linhas de pesquisa são sobre dinâmica e controle de sistemas mecânicos, com ênfase em modelagem e controle de sistemas com robôs móveis.

Fabrizio Leonardi - engenheiro eletricista e mestre em Engenharia Elétrica pela FEI e doutor em Engenharia Elétrica pela Poli/USP. É pesquisador colaborador do Laboratório de Automação e Controle, da USP. Realizou vários cursos de especialização em controle de processos nos Estados Unidos.

Fernando Ortega - formado em Engenharia de Materiais, é mestre e doutor em Ciência e Engenharia de Materiais pela Universidade Federal de São Carlos, com ênfase em materiais cerâmicos. Suas linhas de pesquisa abordam aspectos fundamentais do processamento cerâmico, como dispersão de partículas em meios líquidos e comportamento reológico de suspensões cerâmicas.

Francisco Ambrozio Filho - graduado em Engenharia Metalúrgica pela Poli/USP, é mestre e doutor em Engenharia pela mesma instituição. Possui mais de 100 trabalhos publicados em revistas especializadas no Brasil e Exterior e em anais de congressos e simpósios. É orientador dos cursos de pós-graduação do IPEN (Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares) e consultor ad-hoc da Finep (Financiadora de Estudos e Projetos), CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico) e Fapesp (Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado de São Paulo).

Gabriela Scur da Silva - graduada em Administração pela Universidade Católica de Pelotas, mestre em Administração pela Escola de Administração da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e doutora pela Poli/USP. Fez doutorado 'sanduíche' na Universidade de Padova, na Itália. Possui experiência nas áreas de estratégia, competitividade, aglomerações de empresas (sistemas locais de produção, clusters e APLs), economia da tecnologia e da inovação.

Gustavo Donato - engenheiro mecânico pela FEI, é pós-graduado em Administração de Empresas pela FGV-EAESP e doutor em Engenharia pela Poli/USP. Possui experiência na área de comportamento mecânico dos materiais, mecânica da fratura, análise de integridade estrutural e método dos elementos finitos.

João Chang Júnior - graduado em Engenharia Elétrica pela Poli/USP, mestre em qualidade pelo Instituto de Matemática, Estatística e Ciência da Computação da Unicamp, doutor e pós-doutor em Administração de Empresas pela USP. Tem experiência industrial e acadêmica nas áreas de engenharia industrial, estratégia organizacional, controle da qualidade, pesquisa operacional, análise de alternativas de investimentos e planejamento, estatística e econometria.

Marko Ackermann - graduado em Engenharia Mecânica, com habilitação em Automação e Sistemas (Mecatrônica), e mestre em Engenharia Mecânica pela Poli/USP. Recebeu título de doutor em Engenharia Mecânica (Dr.-Ing.), pela Universität Stuttgart, Alemanha, e realizou pós-doutorado no Departamento de Engenharia Biomédica da Cleveland Clinic, Estados Unidos. Suas linhas de pesquisa concentram-se na biomecânica e dinâmica do movimento humano.

Mauro Sampaio - é pós-doutorado em Administração pelo Fisher College of Business da Ohio State University (OSU), doutor e mestre em Administração de Empresas pela Fundação Getulio Vargas. É professor, pesquisador e consultor independente. Seus temas de interesse de pesquisa são supply chain, management e logística.

Paulo Eduardo Batista de Mello - possui graduação, mestrado e doutorado em Engenharia Mecânica pela Escola Politécnica da USP. Tem utilizado simulações CFD (Dinâmica dos Fluidos Computacional), desde 1995, em pesquisas acadêmicas e projetos de engenharia. Suas linhas de pesquisa são simulação da dispersão de poluentes; simulação de trocadores de calor; modelagem da turbulência.

Ricardo Belchior Torres - graduado em Engenharia Química pela Universidade Federal do Ceará, mestrado em Engenharia Química e doutorado em Ciências pela Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) e pós-doutorado também na Unicamp. Áreas de interesse: termodinâmica química; combustíveis alternativos; materiais cerâmicos.

Roberto Bortolussi - graduado em Engenharia Mecânica pela FEI, é mestre e doutor em Engenharia Mecânica na área de Materiais e Processos pela Unicamp. Possui experiência nas áreas de simulação de processos de conformação utilizando o método dos elementos finitos e comportamento mecânico dos materiais.

Rodrigo Magnabosco - graduado em Engenharia Metalúrgica, é mestre e doutor pela Escola Poli/USP. Possui experiência nas áreas de transformação de fases, corrosão e comportamento mecânico de metais e ligas. Atualmente, suas pesquisas concentram-se em aços inoxidáveis duplex e superduplex.

Sergio Delijaicov - graduado em Engenharia Mecânica pelo Centro Universitário da FEI e Matemática pela Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Itajubá, tem mestrado e doutorado em Engenharia Mecânica pela USP. Tem experiência na área de Engenharia Mecânica com ênfase em Análise de Tensões, atuando principalmente em células de carga, dinamômetros, análise experimental de tensões e medida de tensões residuais pelo método do furo cego incremental. Desenvolve pesquisa em usinagem de aços endurecidos.

Wilson de Castro Hilsdorf - graduado em Engenheira Mecânica pela FEI, com especialização em Administração Industrial pela Fundação Vanzolini (EPUSP). É mestre e doutor em Engenharia de Produção pela Escola Politécnica da USP.