Notícia

Folha de S. Paulo

Mercado restrito provoca intercâmbio de áreas

Publicado em 20 fevereiro 2005

Na área de ciências exatas e da Terra, sobra campo de trabalho para uns e falta espaço para outros. Os meteorologistas têm, cada vez mais, visto seus horizontes se expandir, com a mecanização e a modernização tecnológica.Para os matemáticos e físicos, o destino natural seria a carreira universitária, que, no entanto, não comporta o contingente de cérebros formado todos os anos. Mas o quadro já começa a mudar para os matemáticos, segundo César Camacho, diretor do Impa (Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada)."Nos [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.