Notícia

Folha do ABC online

Memorial da América Latina promove curso para migrantes e refugiados

Publicado em 04 janeiro 2021

O Memorial da América Latina, por meio do CBEAL (Centro Brasileiro de Estudos da América Latina), realiza o minicurso “Tradução Humanitária e Mediação Cultural para Migrantes e Refugiados”, ministrado pelas professoras Luciana Ginezi, Aryadne Bittencourt, Sabine Gorovitz, Maria Beatriz Nogueira, Jacqueline Nordin, Thaysy Bentes, Mireille Muluila e pelos professores André de Carvalho Ramos e Antonio Rodrigues de Freitas Júnior. Os encontros acontecem nos dias 11, 13, 18, 20 e 27 de janeiro, às 19h30.

A tradução humanitária e a mediação cultural são eixos centrais no atendimento às pessoas migrantes e refugiadas. As instituições enfrentam em seu dia a dia muitos desafios para lidar com as diferenças linguísticas, sociais, culturais e individuais dos migrantes.

Ciente dessas dificuldades enfrentadas pelos profissionais do setor, o curso tem como proposta apresentar ferramentas e diretrizes humanitárias para auxiliar no trabalho diário, a fim de proporcionar ambiente de proteção e de acolhimento de pessoas em situação de refúgio e migrantes.

Noções fundamentais para o papel de intérprete; código de conduta para atuação com pessoas deslocadas; a atuação do Comitê Nacional para os Refugiados e técnicas de tradução para grupos com necessidades específicas são alguns dos temas a serem abordados durante os encontros.

O curso tem como públicos-alvo tradutores, intérpretes, mediadores culturais, trabalhadores humanitários, profissionais e voluntários de todas as áreas de formação que atuem com população migrante e/ou refugiada, bem como professores e estudantes de graduação e pós-graduação que pesquisam a temática.

As inscrições devem ser feitas no formulário on-line disponível em https://bit.ly/38dqAPl.

O curso está inserido nas atividades da Cátedra Unesco Memorial 2020 e tem apoio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR).

Cátedra

A Cátedra Unesco/Unitwin para a Integração da América Latina é parte da rede de cooperação entre as universidades públicas paulistas (USP, Unesp e Unicamp) e o Memorial da América Latina. Conta, ainda, com a participação da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, Fapesp e a Secretaria Estadual de Desenvolvimento na comissão de orientação. Direcionada pela agenda 2030 da Unesco. A Cátedra para Integração da América Latina tem como temática “Movimentos da América Latina”, abordando questões linguísticas, migratórias, culturais e sociais. Além da pesquisa sobre traduções de mulheres na América Latina, a Cátedra também desenvolve estudos sobre português como língua de acolhimento e formação de cidadãos em situação de refúgio ou apatridia como intérpretes e tradutores comunitários.

Programação

11/01/2021

Tradução humanitária e garantia de direitos

Luciana Ginezi | intérprete, doutora pela USP e diretora do Centro Brasileiro de Estudos da América Latina

Aryadne Bittencourt | advogada, doutoranda em Direito na UFRJ e pesquisadora no Memorial da América Latina

Sabine Gorovitz | tradutora e professora associada da Universidade de Brasília

Maria Beatriz Nogueira | chefe do escritório do ACNUR em São Paulo

13/01/2021

Traduzindo para migrantes e refugiados em contextos institucionais

Aryadne Bittencourt | advogada, doutoranda em Direito na UFRJ e pesquisadora no Memorial da América Latina

Jacqueline Nordin | autora e Pesquisadora na Área de Interpretação Forense

18/01/2021

Práticas inclusivas de comunicação para migrantes e refugiados

Aryadne Bittencourt | advogada, doutoranda em Direito na UFRJ e pesquisadora no Memorial da América Latina

Thaisy Bentes | Professora da UFRR e coordenadora do projeto Mi Sordo

20/01/2021

Desafios, abordagens e soluções para acesso a direitos

Prof. André de Carvalho Ramos | Professor da Faculdade de Direito da USP e Procurador Regional da República

Prof. Antonio Rodrigues de Freitas Júnior | professor associado do Departamento de Direito do Trabalho e da Seguridade Social

Aryadne Bittencourt | advogada, doutoranda em Direito na UFRJ e pesquisadora no Memorial da América Latina

27/01/2021

Mediação cultural e contextos humanitários

Aryadne Bittencourt | advogada, doutoranda em Direito na UFRJ e pesquisadora no Memorial da América Latina

Mireille Muluila | assessora de campo da Caritas Rio, formada em Relações Internacionais

Serviço

Curso: Tradução Humanitária e Mediação Cultural para Migrantes e Refugiados

Dias 11, 13, 18, 20 e 27 de janeiro, das 19h30 às 21h30

Inscrições: https://bit.ly/38dqAPl

Transmissão: Plataforma Zoom com transmissão simultânea no Canal do Youtube do Memorial (http://www.youtube.com/Memorialdaamericalatinasp)

Grátis | Classificação livre

Essa notícia também repercutiu nos veículos:
Memorial da América Latina ABC do ABC Agito SP Clikar Portal R3 Miguel Ahumada