Notícia

O Estado de S. Paulo

Memória pessoal e coletiva

Publicado em 26 janeiro 2013

Por Wilson Alves-Bezerra
“Li em algum lugar que um homem deve contar a história de sua vida aos quarenta anos.” Essa citação quase literal do romance O Poço (1939), do uruguaio Juan Carlos Onetti, serve de mote para o colombiano Juan Gabriel Vázquez dar início às memórias de Antonio Yammara, professor de Direito, nascido em Bogotá nos anos 1970, cuja infância foi marcada pelo suntuoso jardim zoológico do traficante Pablo Escobar e outras lembranças do narcotráfico. Eladio Linacero - o protagonista de O Poço - pouco tinha a contar: apenas uma [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.