Notícia

Rádio Caçula

MCT anuncia membros de comissão para pensar futuro da ciência no país

Publicado em 04 março 2011

Por G1

O Ministério da Ciência e Tecnologia anunciou na tarde desta quinta-feira (3) os nomes de cientistas brasileiros e estrangeiros que farão parte de uma comissão para “discutir os rumos da ciência brasileira a longo prazo”.

A chamada “Comissão do Futuro” é presidida pelo neurocientista Miguel Nicolelis, que fez o anúncio ao lado do ministro Aloizio Mercadante no Instituto Internacional de Neurociências de Natal (RN).

Dos 21 membros do grupo, sete são estrangeiros. De acordo com Mercadante, a composição reflete o que acontece em organizações parecidas da Europa e dos Estados Unidos. A primeira reunião da comissão está prevista para abril.

Os membros da “Comissão do Futuro”:

- Miguel Nicolelis, neurocientista da Universidade Duke, nos Estados Unidos, e do Instituto Internacional de Neurociências de Natal

- Alan Rudolph, biólogo da Fundação de Neurociência Internacional, dos Estados Unidos

- Alexander Triebnigg, médico, presidente da Novartis

- Conceição Lemes, jornalista

- Débora Calheiros, pesquisadora da Embrapa

- Jon H. Kaas, neurocientista da Universidade Vanderbilt e da Academia Nacional de Ciências dos Estados Unidos

- Luiz A. Baccalá, engenheiro da Escola Politécnica da USP

- Luiz Belluzzo, economista da Unicamp

- Mariano Sigman, neurocientista da Universidade de Buenos Aires, Argentina

- Marilena Chauí, filósofa da USP

- Mariluce Moura, jornalista da Fapesp

- Mauro Copelli, físico da UFPE, Brasil

- Patrick Aebischer, neurocientista da Escola Politécnica Federal de Lausanne, Suíça

- Ricardo Abramovay, cientista político da FEA-USP

- Robert Bishop, cientista computacional, ex-CEO da Silicon Graphics, dos Estados Unidos

- Ronald Cicurel, matemático e filósofo da Suíça

- Selma Jeronimo, médica-pesquisadora da UFRN

- Stevens Rehens, biólogo da UFRJ

- Thereza Brino, educadora em tecnologia da informação

- Victor Nussenzweig, medico da Universidade de Nova York

- William Feiereisen, cientista computacional da Intel, nos Estados Unidos


Fonte: G1