Notícia

Revista Aviação Notícias

Mais importante feira de Defesa e Segurança acontece em abril

Publicado em 16 janeiro 2019

Um público de 38.200 mil profissionais qualificados, em quatro dias, é a expectativa de visitantes da LAAD Defence & Security 2019, a mais importante feira de defesa e segurança da América Latina. A 12ª edição do evento, realizado bienalmente, acontece de 2 a 5 de abril, no Riocentro, no Rio de Janeiro.

Segundo Sergio Jardim, diretor geral da Clarion Events Brasil - organizadora da LAAD Defence & Security - os números consolidados pelo evento apontam o relevante potencial do mercado de defesa e segurança do País.

Na edição de 2017, aconteceram mais de duas mil reuniões durante o evento entre 183 delegações oficiais do Brasil e exterior e os expositores.

O quadro em 2019 é favorável para estes mercados: foi aprovada em novembro uma Medida Provisória (MP) que destina parte da arrecadação das loterias federais ao Fundo Nacional de Segurança Pública (FNSP).

Com a injeção de recursos, o Ministério da Segurança Pública ficará com 9,4% da arrecadação bruta das loterias existentes, o que corresponde a cerca de R$ 1,2 bilhão a partir do ano que vem.

A aprovação da MP foi defendida pelo ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro. Outro ponto favorável são as indicações de militares para o alto escalão da equipe de Governo do presidente eleito, Jair Bolsonaro, o que indica que as Forças Armadas devem ganhar protagonismo no cenário político em 2019.

Na LAAD 2019, temas como o Sistema Único de Segurança, a flexibilização do porte de armas, o combate à corrupção, a redução da maioridade penal, defesa de fronteiras, defesa cibernética, entre outras questões, devem pautar as discussões dos participantes, aquecendo a cadeia de fornecedores da indústria.

Expositores - A feira de negócios contará com a participação de 450 marcas nacionais e internacionais, de todos os elos da defesa e segurança, e a presença de 195 delegações oficiais provenientes de 80 países, com destaque para Ministros de Defesa e autoridades de alta patente das Forças Armadas da América Latina, que participam de reuniões com as empresas expositoras e também de encontros bilaterais com autoridades brasileiras.

"A LAAD Defence & Security tem como objetivo fomentar os setores de defesa e segurança do país e da América Latina, oferecer acesso às novas tecnologias e serviços de todo o mundo, além da oportunidade de empresas nacionais apresentarem suas inovações para delegações de mais de 80 países. Em 2019, teremos uma área externa de exposição ampliada e outras novidades para tornar a experiência dos profissionais que visitam o evento ainda mais interativa. Além disso, mantemos uma extensa programação de conteúdo com a visão de especialistas sobre o futuro da segurança pública e corporativa", afirma Jardim.

Durante os quatro dias de LAAD Defence & Security serão apresentadas soluções nas áreas de engenharia aeronáutica e naval; equipamentos pessoais e táticos; munição e armamento; ópticos e optrônicos; consultoria, treinamento e serviços; cyber security; contraterrorismo; transmissão, comunicação e posicionamento; emergência, salvamento e resgate; controle de acesso e vigilância; perícia criminal e forense; veículos; entre outras.

O credenciamento online para visitar a feira abre no próximo dia 16 de janeiro e poderá ser feito gratuitamente, até o dia 1º de abril, através do site www.laadexpo.com.br.

Será possível fazer o credenciamento no local do evento, a partir de 2 de abril, mediante o pagamento de ingresso de R$ 100,00.

Seminários -- Com o objetivo de apontar as oportunidades e propor o debate sobre o futuro em gestão da segurança pública e corporativa, a LAAD Defence & Security realiza o VIII Seminário de Segurança com a presença de lideranças e especialistas nestes segmentos.

A programação de conteúdo terá, ainda, um outro evento simultâneo à feira, o VIII Simpósio Internacional de Logística Militar que é organizado pelo Ministério da Defesa e exclusivo para oficiais-alunos das escolas militares ligadas às três Forças.

Saiba mais sobre o evento, acessando www.laadexpo.com.br

LAAD Defence & Security 2019 - Feira Internacional de Defesa e Segurança

Data: 2 a 5 de abril

Local: Riocentro - Av. Salvador Allende, 6.555 - Barra da Tijuca - Rio de Janeiro - RJ

Horário da Exposição: De terça-feira (2) a quinta-feira (4), das 10h às 18h. Sexta-feira (5), das 10h às 17h.

LAAD Defence & Security - Mais importante feira de defesa e segurança da América Latina, a LAAD Defence & Security chega em 2019 a sua 12ª edição.

Reúne bienalmente no Riocentro, no Rio de Janeiro, empresas brasileiras e internacionais especializadas no fornecimento de soluções para as três Forças Armadas e Forças Policiais.

Além de exposição, o evento conta com programa de conteúdo exclusivo como o Seminário de Segurança LAAD. Na última edição, em 2017, o evento reuniu 450 marcas expositoras de 36 países, 37.100 visitantes e 183 delegações oficiais de 81 países.

Acompanhe aqui o Noticiário relativo ao Comando da Aeronáutica veiculado nos principais órgãos de comunicação do Brasil. O NOTIMP apresenta matérias de interesse do Comando da Aeronáutica, extraídas diretamente dos principais jornais e revistas publicados no país.

Governo Bolsonaro tem militares em ministérios e cargos estratégicos

Publicada em 15/01/2019 20:00

Aproveitamento de quadros militares para o governo foi uma promessa de campanha de Jair Bolsonaro e começa pelo primeiro escalão.

Passageiros filmam clarões perto de asa, e avião que saiu do Santos Dumont pousa no GaleãoAeronave que ia para São Paulo precisou descer logo após decolar. Companhia aérea informou que foi identificada uma limitação técnica em um dos motores.

Diogo Dias, Rj2 | Publicada em 15/01/2019 19:34

Passageiros de um avião que havia acabado de decolar nesta terça-feira (15) do Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, viveram momentos de tensão ao verem clarões perto da asa. Com problemas técnicos confirmados, a aeronave precisou pousar no Aeroporto Internacional Tom Jobim, o Galeão, minutos após a decolagem.

Uma das pessoas que estava na ponte aérea conseguiu filmar os clarões, que parecem causados por fogo, como mostrou o RJ2.

A companhia aérea Gol disse que, logo após a decolagem, foi identificada uma "limitação técnica em um dos motores" e, por isso, foi necessário realizar um "pouso alternado". Em nota (veja abaixo a íntegra), informou que os passageiros foram realocados em outros voos e chegaram a Congonhas, em São Paulo. A aeronave, de acordo com a empresa, está sendo avaliada por uma equipe de manutenção.

Íntegra da nota da Gol

"A GOL informa que após a decolagem do voo G3 1025 (Santos Dumont – Congonhas), foi identificada pela tripulação uma limitação técnica em um dos motores, sendo necessário realizar um pouso alternado no aeroporto internacional do Rio de Janeiro. Logo após o desembarque dos passageiros, a aeronave foi encaminhada para avaliação da equipe de manutenção. Os Clientes foram reacomodados nos próximos voos e já desembarcaram no destino final. A companhia reitera que preza pelos mais altos padrões de segurança, valor número um da GOL."

LAAD 2019 - Mais importante feira de Defesa e Segurança acontece em abrilLAAD Defence

Publicada em 15/01/2019 10:00

Um público 38.200 mil profissionais qualificados, em quatro dias, é a expectativa de visitantes da LAAD Defence & Security 2019, a mais importante feira de defesa e segurança da América Latina. A 12ª edição do evento, realizado bienalmente, acontece de 2 a 5 de abril, no Riocentro, no Rio de Janeiro.

Segundo Sergio Jardim, diretor geral da Clarion Events Brasil - organizadora da LAAD Defence & Security - os números consolidados pelo evento apontam o relevante potencial do mercado de defesa e segurança do País.

Na edição de 2017, aconteceram mais de duas mil reuniões de durante o evento entre 183 delegações oficiais do Brasil e exterior e os expositores.

O quadro em 2019 é favorável para estes mercados: foi aprovada em novembro uma Medida Provisória (MP) que destina parte da arrecadação das loterias federais ao Fundo Nacional de Segurança Pública (FNSP).

Com a injeção de recursos, o Ministério da Segurança Pública ficará com 9,4% da arrecadação bruta das loterias existentes, o que corresponde a cerca de R$ 1,2 bilhão a partir do ano que vem.

A aprovação da MP foi defendida pelo futuro ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro. Outro ponto favorável são as indicações de militares para o alto escalão da equipe de Governo do presidente eleito, Jair Bolsonaro, o que indica que as Forças Armadas devem ganhar protagonismo no cenário político em 2019.

Na LAAD 2019, temas como o Sistema Único de Segurança, a flexibilização do porte de armas, o combate à corrupção, a redução da maioridade penal, defesa de fronteiras, defesa cibernética, entre outras questões, devem pautar as discussões dos participantes, aquecendo a cadeia de fornecedores da indústria.

Expositores - A feira de negócios contará com a participação de 450 marcas nacionais e internacionais, de todos os elos da defesa e segurança, e a presença de 195 delegações oficiais provenientes de 80 países, com destaque para Ministros de Defesa e autoridades de alta patente das Forças Armadas da América Latina, que participam de reuniões com as empresas expositoras e também de encontros bilaterais com autoridades brasileiras.

"A LAAD Defence & Security tem como objetivo fomentar os setores de defesa e segurança do país e da América Latina, oferecer acesso às novas tecnologias e serviços de todo o mundo, além da oportunidade de empresas nacionais apresentarem suas inovações para delegações de mais de 80 países. Em 2019, teremos uma área externa de exposição ampliada e outras novidades para tornar a experiência dos profissionais que visitam o evento ainda mais interativa. Além disso, mantemos uma extensa programação de conteúdo com a visão de especialistas sobre o futuro da segurança pública e corporativa", afirma Jardim.

Durante os quatro dias de LAAD Defence & Security serão apresentadas soluções nas áreas de engenharia aeronáutica e naval; equipamentos pessoais e táticos; munição e armamento; ópticos e optrônicos; consultoria, treinamento e serviços; cyber security; contraterrorismo; transmissão, comunicação e posicionamento; emergência, salvamento e resgate; controle de acesso e vigilância; perícia criminal e forense; veículos; entre outras.

O credenciamento online para visitar a feira abre no próximo dia 16 de janeiro e poderá ser feito gratuitamente, até o dia 1º de abril, através do site www.laadexpo.com.br.

Será possível fazer o credenciamento no local do evento, a partir de 2 de abril, mediante o pagamento de ingresso de R$ 100,00. Seminários -- Com o objetivo de apontar as oportunidades e propor o debate sobre o futuro em gestão da segurança pública e corporativa, a LAAD Defence & Security realiza o VIII Seminário de Segurança com a presença de lideranças e especialistas nestes segmentos.

A programação de conteúdo terá, ainda, um outro evento simultâneo à feira, o VIII Simpósio Internacional de Logística Militar que é organizado pelo Ministério da Defesa e exclusivo para oficiais-alunos das escolas militares ligadas às três Forças.

Saiba mais sobre o evento, acessando www.laadexpo.com.br.

LAAD Defence & Security 2019 - Feira Internacional de Defesa e Segurança

Data: 2 a 5 de abril

Local: Riocentro - Av. Salvador Allende, 6.555 - Barra da Tijuca - Rio de Janeiro - RJ

Horário da Exposição: De terça-feira (2) a quinta-feira (4), das 10h às 18h. Sexta-feira (5), das 10h às 17h.

LAAD Defence & Security Mais importante feira de defesa e segurança da América Latina, a LAAD Defence & Security chega em 2019 a sua 12ª edição.

Reúne bienalmente no Riocentro, no Rio de Janeiro, empresas brasileiras e internacionais especializadas no fornecimento de soluções para as três Forças Armadas e Forças Policiais.

Além de exposição, o evento conta com programa de conteúdo exclusivo como o Seminário de Segurança LAAD. Na última edição, em 2017, o evento reuniu 450 marcas expositoras de 36 países, 37.100 visitantes e 183 delegações oficiais de 81 países.

AEROFLAP - Operação nos aeroportos registra 88,4% de pontualidade no período de fim de ano

Publicada em 15/01/2019 14:22

O relatório final da Operação Fim de Ano, concluído nesta semana, mostra que o desempenho dos 13 terminais monitorados ficou acima da meta operacional prevista pela Comissão Nacional de Autoridades Aeroportuárias (Conaero), que é de 85%.

A ação, que começou no dia 17 de dezembro de 2018 e foi até o dia 6 de janeiro de 2019, registrou 88,4% de pontualidade nos principais aeroportos brasileiros, de acordo com dados fornecidos pelo Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea) e operadores aeroportuários.

Na primeira semana da operação (17 a 23 de dezembro), os terminais registraram 84,5% de pontualidade. Na segunda (24 a 30 de dezembro), o resultado foi de 92,1% e na terceira semana de 88,9%. No consolidado, o resultado final ficou com 88,4%. O índice é referente às partidas e chegadas até 30 minutos do horário previsto.

Ao todo, foram 21 dias de reforço nos serviços para atender à alta demanda do período, em um procedimento padrão acordado e alinhado anualmente entre setor público e a iniciativa privada. Além disso, foram definidos compromissos e responsabilidades e um regime especial de funcionamento para os respectivos aeroportos e companhias aéreas envolvidas na operação. O objetivo foi manter o índice médio de atrasos e de decolagens abaixo de 15%.

Já o índice que mede a satisfação geral do passageiro teve nota média de 4,39 (em uma escala de 1 a 5 – em que 1 é “muito ruim” e 5 representa “muito bom”) em todo o período da operação, de acordo com pesquisa realizada pela Secretaria Nacional de Aviação Civil do Ministério da Infraestrutura. Na primeira semana, o índice médio registrado foi de 4,38. Na segunda e terceira semanas a nota foi de 4,40.

Para todo o período da operação, a estimativa do ministério foi que os terminais movimentassem 8,3 milhões de passageiros no período das festas de fim de ano. O cálculo foi feito utilizando uma taxa de ocupação média de 85% dos assentos ofertados pelas companhias aéreas no período.

Os 13 aeroportos monitorados representam 70% do total do fluxo de viajantes no Brasil. São eles: Guarulhos, Congonhas e Viracopos (SP), Galeão e Santos Dumont (RJ), Brasília (DF), Confins (MG), Porto Alegre (RS), Recife (PE), Salvador (BA), Curitiba (PR), Manaus (AM), Fortaleza (CE).

MEON (SP) - Novo reitor assume direção do ITA em São José

Publicada em 15/01/2019 12:39 | Atualizado em 15/01/2019 12:50

O professor Cláudio Jorge Pinto Alves foi empossado reitor do ITA (Instituto Tecnológico de Aeronáutica), em São José dos Campos. Até então, Alves exercia o cargo de vice-reitor da instituição. A cerimônia de posse ocorreu no dia 10 de janeiro.

Ele substituiu Anderson Ribeiro Correia no cargo, que foi nomeado presidente da Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior).

Já o cargo de vice-reitor será ocupado por Carlos Henrique Costa Ribeiro, que estava à frente da pró-reitoria de graduação. Costa foi empossado nessa segunda-feira (14).

Confira o breve currículo do novo reitor do ITA:

Graduação em Engenharia de Infra Estrutura Aeronáutica pelo Instituto Tecnológico de Aeronáutica (1977), mestrado em Engenharia Civil pela Universidade de São Paulo (1981) e doutorado em Engenharia Aeronáutica e Mecânica pelo Instituto Tecnológico de Aeronáutica (1987). Fez ainda mestrado "lato sensu" na ESPM em Marketing (1997). Realizou um pós-doutorado na ENAC, em Toulouse, com apoio da FAPESP, no tema: gerenciamento de tráfego (1991). Fez na ESG o curso de Altos Estudos em Política e Estratégia (1993).

Atualmente é Professor Titular e participa como membro externo de avaliações de cursos pelo INEP. Tem experiência na área de Engenharia de Transportes, com ênfase em Planejamento e Projeto de Aeroportos. Prestou consultorias eventuais ao DAC, Embraer, Daesp, Infraero, McKinsey e Petrobrás, dentre outras.

Leia também:

Notícias de AeroportosNotícias da Aviação Civil / ComercialNotícias da Aviação GeralNotícias da Aviação ExecutivaNotícias de DefesaNotícias de IndústriasNotícias de EspaçoNotícias 24 Horas