Notícia

Olhar Direto

Mais de 50% dos trabalhadores da saúde tem tuberculose latente

Publicado em 27 dezembro 2006

Mais da metade dos trabalhadores da área da saúde nos países em desenvolvimento possui o bacilo da tuberculose em sua forma latente. A conclusão é do estudo "Riscos de tuberculose para os trabalhadores da saúde nos países em desenvolvimento", realizado por pesquisadores da Universidade da California em Berkeley, nos Estados Unidos.
Segundo um levantamento feito com 51 estudos que mapearam dados relativos à infecção por tuberculose em indivíduos do setor de saúde nesses países, 54% dos trabalhadores era portadores da tuberculose latente. O número é acima da média geral. Estima-se que cerca de 30% da população possua a bactéria que causa a doença, a Mycobacterium tuberculosis. Mas, na maior parte dos casos, o bacilo não causa problemas de saúde.
Segundo informações publicadas na Agência Fapesp, nos países com renda alta, há medidas para reduzir o risco de infecção. No entanto, a maior parte dos hospitais relacionados em países em desenvolvimento indicaram a ausência de medidas de controle da doença.