Notícia

Extra (Rio de Janeiro, RJ) online

Lygia da Veiga Pereira diz que ninguém faz diferença sozinho

Publicado em 26 março 2009

Por Bruno Rosa

RIO - Ao receber o Prêmio Faz Diferença na categoria Ciência/História, a pesquisadora Lygia da Veiga Pereira enfatizou que ninguém consegue fazer diferença sozinho. Ela dividiu a conquista com todos que a ajudaram.

- Primeiro eu queria dividir com meus pais, depois com a Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), que me iniciou na vida de pesquisadora. Eu tive que trocar Ipanema por São Paulo, mas valeu a pena. Também agradeço aos juízes do Supremo Tribunal Federal pela lucidez e pela comprovação do estado laico, ao permitirem o estudo com células-tronco de forma definitiva, aos Ministérios da Saúde e da Ciência e Tecnologia, por financiarem minhas pesquisas, e ao meu marido.

Uma das pioneiras no estudo de células-tronco no país, Lygia se destacou ao liderar o grupo que desenvolveu a primeira linhagem 100% nacional de células embrionárias humanas. A pesquisadora, que ainda encontra tempo para escrever livros de divulgação científica, se dedica a estudos que podem levar a novos tratamentos.