Notícia

O Estado do Paraná

Livro mostra idéias do século 20 e inova na divulgação da física

Publicado em 05 fevereiro 2006

São Paulo (Agência FAPESP) - Apresentar algumas das principais idéias do século 20 e inovar na linguagem de divulgação da física moderna são as propostas do livro Física moderna para iniciados, interessados e aficionados, de Ivan Oliveira, pesquisador do Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF), cujo segundo volume foi lançado no fim do ano passado.
A obra é destinada principalmente a professores do ensino médio, e a alunos do segundo grau e dos cursos de graduação em física, matemática, química e engenharias. "O século passado foi realmente o século da física, quando ocorreram revoluções a partir de idéias fundamentais", disse Oliveira. "A minha proposta, com o livro, foi explicar o desenvolvimento da física com base em duas grandes teorias: a mecânica quântica e a teoria da relatividade."
Escrito em estilo leve e bem humorado, o livro aborda assuntos variados como modelos atômicos, física do estado sólido, cosmologia, magnetismo, supercondutividade, computação quântica, física nuclear e física de partículas. Além disso, um dos grandes enfoques do livro está nas reflexões sobre a matemática como uma importante ferramenta de trabalho para o físico teórico. "Existe uma idéia equivocada de que a matemática espanta as pessoas e que, por isso, não deve estar nos livros de divulgação científica. Como a matemática é uma linguagem natural da física, a intenção foi ressaltar de que modo os modelos numéricos podem explicar os fenômenos da natureza", disse o pesquisador do Grupo de Magnetismo do CBPF, instituição vinculada ao Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT).
Equações matemáticas compatíveis com o conteúdo do ensino médio, além de modelos mais avançados como vetores e funções complexas, são expostas em painéis temáticos ao longo da obra. "Além de explicar, o mais interessante é que esses modelos são capazes até de prever fenômenos futuros", explica Oliveira.
Segundo o pesquisador, os buracos negros ou as ondas eletromagnéticas, por exemplo, podem ser lidos por conjuntos de equações. Da mesma forma, o lançamento de satélites, a extração de energia dos núcleos dos átomos e as pesquisas sobre a idade do universo são atividades desenvolvidas graças à compreensão matemática e física.
Serviço: Física moderna para iniciados, interessados e aficionados foi publicado pela Editora Livraria da Física, da Universidade de São Paulo (USP).