Notícia

Portal Exame

Latitude influencia a regulação do sono

Publicado em 17 setembro 2012

Por Karina Toledo, da Agência FAPESP
São Paulo - A dificuldade para acordar cedo que algumas pessoas apresentam pode não ser simplesmente uma questão de preguiça, mas resultado de uma combinação de fatores genéticos e ambientais, entre eles a posição geográfica em que se vive. É o que indicam estudos realizados no Instituto do Sono , um Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPID) apoiado pela Fapesp. "Pessoas que moram perto da linha do Equador têm maior tendência à matutinidade, ou seja, preferência por acordar e dormir cedo. À medida que nos aproximamos [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.