Notícia

Jornal em Dia online

José de Souza Martins é eleito para a Academia Paulista de Letras

Publicado em 14 junho 2015

A Academia Paulista de Letras, na noite de quinta-feira, 11, elegeu o escritor José de Souza Martins sucessor de Inezita Barroso, falecida em março, na Cadeira de nº 23, que tem como patrono João Monteiro, que foi professor e diretor da Faculdade de Direito. Essa cadeira foi ocupada, sucessivamente, por Estêvão de Almeida, pai do poeta Guilherme de Almeida, pelo próprio Guilherme de Almeida, pelo historiador Raimundo Menezes, pelo historiador Odilon Nogueira de Matos e pela romancista Ruth Guimarães.

José de Souza Martins nasceu em São Caetano do Sul, em 1938, e ali viveu até 1961, quando ingressou no Curso de Ciências Sociais da Universidade de São Paulo. Publicou 34 livros no Brasil, alguns dos quais foram traduzidos para outras línguas e publicados, total ou parcialmente, em outros países. Ganhou três Prêmios Jabuti por alguns de seus livros, o Prêmio Érico Vanucci Mendes, do CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico) pelo conjunto de sua obra; e o Prêmio Florestan Fernandes, da Sociedade Brasileira de Sociologia.

Fez conferências em universidades e instituições científicas de vários países da Europa e dos Estados Unidos. Foi professor visitante da Universidade da Flórida (EUA) e da Universidade de Lisboa. Em 1992, foi eleito professor titular da Cátedra Simón Bolivar, da Universidade de Cambridge (Inglaterra) e fellow de Trinity Hall, um dos mais antigos Colleges de Cambridge, fundado em 1350. Nomeado pelo secretário geral das Nações Unidas, foi membro da Junta de Curadores do Fundo Voluntário da ONU (Organização das Nações Unidas) contra as Formas Contemporâneas de Escravidão, em Genebra, com mandatos renovados durante 12 anos. No Brasil, em 2002, representou o presidente Fernando Henrique Cardoso na Comissão Interministerial que preparou o Plano de Erradicação do Trabalho Infantil e Escravo, que coordenou.

Sociólogo, fez carreira científica e docente na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, onde fez o bacharelado, o mestrado, o doutorado e a livre-docência em Sociologia e onde se tornou professor titular por concurso, sendo aprovado com distinção e louvor. Foi aluno e assistente de Fernandes. É professor emérito da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP.

José de Souza Martins é membro do Conselho Superior da Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo) e dela representante no Conselho Universitário da Unesp (Universidade Estadual Júlio de Mesquita Filho) e no Conselho da Univesp (Universidade Virtual do Estado de São Paulo).