Notícia

Rádio Caçula

José ar Ana Varela é o novo presidente do CTA da FAPESP

Publicado em 14 fevereiro 2012

Governador de São Paulo nomeia o professor do Instituto de Química da Unesp para exercer a função de diretor-presidente do Conselho Técnico-Administrativo da Fundação

 

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, nomeou, no dia 10 de fevereiro, o professor José Arana Varela para exercer a função de diretor-presidente do Conselho Técnico-Administrativo (CTA) da FAPESP. O decreto foi publicado no dia seguinte no Diário Oficial do Estado de São Paulo.

 

A vaga estava aberta em decorrência do falecimento do professor Ricardo Renzo Brentani no dia 29 de novembro de 2011. Em dezembro, o Conselho Superior da FAPESP realizou a eleição da lista tríplice para a escolha do diretor-presidente do CTA, que foi composta por Varela, José de Souza Martins e Hugo Aguirre Armelin.

 

Varela é primeiro docente da Unesp a assumir o cargo de diretor-presidente do CTA da FAPESP. Foi membro do Conselho Superior da FAPESP de 2004 a 2010 e seu vice-presidente de 2007 a 2010. Participa como pesquisador principal e coordenador em Inovação do Centro Multidisciplinar de Desenvolvimento de Materiais Cerâmicos, um Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPID) da FAPESP.

 

É professor titular do Instituto de Química da Universidade Estadual Paulista (Unesp), campus de Araraquara, e diretor da Agência Unesp de Inovação.

 

É pesquisador 1 A do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e presidente da Sociedade Brasileira de Pesquisa em Materiais (SBPMat).

 

Varela é graduado em Física pela Universidade de São Paulo (USP), com mestrado em Física pelo Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) e doutorado em Ciência de Materiais pela University of Washington.

 

É membro do Conselho Superior de Inovação e Competitividade da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e da Sociedade Brasileira de Física, membro fellow da American Ceramic Society e membro da Materials Research Society, ambas nos Estados Unidos.

 

Recebeu vários prêmios e honrarias, entre as quais o Prêmio Epsilon de Ouro, da Sociedade Espanhola de Cerâmica e Vidro, e o Prêmio Scopus Elsevier, pela sua contribuição para a ciência no Brasil.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa