Notícia

Mato Grosso online

Japão dá US$ 1 milhão para desenvolver mercado

Publicado em 06 novembro 2007

Um convênio firmado entre a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) e o governo japonês destinará US$1 milhão para o desenvolvimento do mercado de carbono no Brasil, informa a Agência Fapesp. O acordo, intermediado pelo Banco Mundial, conta ainda com a participação da Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F), instituição na qual serão negociados os créditos de carbono.

Segundo a Finep, os recursos financiarão uma série de estudos sobre a estruturação e a implementação do mercado, iniciativa que está inserida nas metas aprovadas pelo Protocolo de Kyoto, acordo internacional implementado em fevereiro de 2005 para combater a emissão de gases que contribuem para o aquecimento global.

Os papéis negociados no mercado de carbono são reduções certificadas de emissões (RCEs), medidas em tonelada de dióxido de carbono. As RCEs adquiridas são vendidas para as nações industrializadas que precisam cumprir metas de redução na emissão de poluentes. Hoje, a tonelada está cotada em torno de 16 euros.