Notícia

Cruzeiro do Sul online

Já pensou em ver uma imagem de todo o céu?

Publicado em 15 julho 2010

Parece exagero, mas pode tornar-se realidade: pesquisadores do observatório espacial Planck, da Agência Espacial Europeia (ESA), capturaram imagens do Universo através de microondas, juntaram-nas e pretendem utilizá-las para compreender sua formação e seu funcionamento atual. O projeto, que deve estar completo até 2012, contará com mais três mapeamentos completos e, segundo David Southwood, diretor de exploração robótica e científica da ESA, seus resultados são um tesouro extraordinário. O disco principal da Via Láctea, no centro da imagem, está envolto por correntes de poeira fria (onde estrelas são criadas), e as regiões periféricas mostram a radiação cósmica - um dos vestígios do Big Bang, que ocorreu há mais de 13 bilhões de anos. A missão do Planck é exibir o que está encoberto por nossa galáxia, permitindo que pesquisadores descubram a assinatura cósmica do período primordial conhecido como "inflação cósmica". (Fonte: Agência FAPESP).