Notícia

Gestão C&T

IPT divulga relatório de atividades de 2009

Publicado em 17 julho 2010

O Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) de São Paulo divulgou o relatório anual de 2009 contendo informações sobre os principais projetos desenvolvidos, entre os 220 em andamento, para diferentes segmentos socioeconômicos do poder público e iniciativa privada.

De acordo com o diretor-presidente do instituto, João Fernando Gomes de Oliveira, no triênio 2008-2010 o IPT recebeu o maior investimento em seus 110 anos de história. São R$ 186 milhões, sendo R$ 98 milhões provenientes do governo do Estado e R$ 88 milhões de parceiros como o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), a Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) e a Finep.

"Com esses recursos, o instituto está conduzindo o projeto conhecido como Moderniza, que já adquiriu mais de 400 novos equipamentos para ampliar as capacitações laboratoriais. As instalações do IPT também estão sendo ampliadas e melhoradas", disse Oliveira.

O IPT também está construindo um novo centro voltado para pesquisas de bionanotecnologia, com investimento de R$ 46 milhões. Outra ação em andamento é o Laboratório de Estruturas Leves (LEL) para pesquisa com materiais para aeronaves do futuro, em São Jose dos Campos (SP).

De acordo com o relatório, em 2009 a receita bruta do IPT, com prestação de serviços e venda de produtos, alcançou o montante de R$ 74,8 milhões. O Portal Interno de Negócios (PIN) aprovou 651 propostas para negociação com clientes, que somaram R$ 260,6 milhões. O orçamento total para o exercício foi de R$ 182,2 milhões, sendo R$ 49,3 milhões aplicados em investimentos para novos laboratórios.

O IPT é uma instituição associada à ABIPTI.