Notícia

IG

Ioga no tratamento do câncer

Publicado em 07 junho 2006

Por Agência FAPESP

São Paulo

Menos cansaço e sono mais tranqüilo. A ioga, milenar prática indiana, ajudou um grupo de portadoras de câncer de mama. A melhora na qualidade de vida, traduzida em bem-estar físico e na maior disposição de conviver socialmente, foi registrada simultaneamente ao tratamento radioterápico.
Os dados foram apresentados na 42ª Reunião Anual da Sociedade Norte-Americana de Oncologia Clínica, que terminou na terça-feira (6/6), em Atlanta. São resultados de um estudo com 61 portadoras de câncer, divididas em dois grupos. O primeiro foi submetido a duas sessões de ioga por semana, ao mesmo tempo em que começou a radioterapia. O segundo grupo não fez ioga e aguardava o início da radioterapia.