Notícia

Metropóles

Interior de SP tem UTIs com ocupação de 90%; Doria propõe reabertura

Publicado em 19 maio 2021

Por Débora Sögur-Hous

Governo estadual planeja reabertura em junho, deixando decisão de medidas mais restritivas para municípios

São Paulo – Em entrevista nesta quarta-feira (19/5), o governador João Doria (PSDB) anunciou maior reabertura de comércio e atividades em todo o estado a partir do dia 1º de junho.

A decisão preocupa municípios do interior. Levantamento da plataforma SP Covid-19 Info Tracker demonstra que oito regiões do estado estão com a taxa de lotação de UTIs acima de 90%. São elas: Barretos (98,3%), Registro (98,2%), Marília (96,2%), Araraquara (94,8%), Franca (93,9%), Bauru (93,4%), Presidente Prudente (93,3%) e Araçatuba (93%).

Além disso, 17 de 22 regiões do estado de São Paulo registraram tendência de aumento de internações em UTI na última semana.

A plataforma de monitoramento do estado de São Paulo foi criada por pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP) e da Universidade Estadual Paulista (Unesp), com apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa no Estado de São Paulo (Fapesp).

Governo do estado passa responsabilidade para cidades

Na entrevista coletiva desta quarta-feira (19), o governo de São Paulo desregionalizou as medidas de contenção e repassou aos municípios a responsabilidade de adotar medidas mais ou menos rígidas para segurar o vírus da Covid-19.

Diante do crescimento dos casos, algumas cidades estudam intervenções para conter a pandemia. Franca, Bebedouro e Batatais decretaram lockdown e a grande Ribeirão Preto não descarta a medida. “Houve uma queda, mas não foi no patamar que a gente esperava. Agora tudo vai depender de como serão os próximos dias”, disse Sandro Scarpelini, secretário de Saúde de Ribeirão Preto à Rádio CBN, quando questionado sobre lockdown.

 

Essa notícia também repercutiu nos veículos:
Agora São Paulo online Federação da Saúde