Notícia

Oficina da Net

Inteligência Artificial: USP sediará Centro de IA do Brasil

Publicado em 07 outubro 2019

Por Bernardo Silva

As pesquisas realizadas no novo centro vão abranger segmentos diferentes do mercado, estavamos falando aqui da aplicação da Inteligência Artificial nos mais diversos nichos.

Desde recursos naturais, agronegócio, meio ambiente, até finanças e saúde, trazendo avanços científicos significativos no uso da tecnologia.

O novo Centro de Inteligência Artificial será um dos pólos do Centro de Inovação InovaUSP, na Cidade Universitária da USP, em São Paulo.

Ainda sobre o investimento, IBM e FAPESP reservarão, cada uma, até US$ 500 mil por ano para implementar o programa, que conta com financiamento de até 10 anos para o projeto.

A USP, ficará responsável pelas instalações físicas, laboratórios, professores, técnicos, administradores para gerir o Centro, entre outros e reservará até US$ 1 milhão por ano para isso.

Especialistas internacionais, escolhidos conjuntamente pela IBM e Fapesp analisaram o edital público. A analise levou em consideração as equipes de pesquisadores e profissionais designados à administração e ao gerenciamento do projeto, além da originalidade e avanço do plano de pesquisa.

O novo Centro de Intelegência Artificial será o primeiro da América Latina a fazer parte do IBM AI Horizons Network (AIHN), criado em 2016 para promover a integração e colaboração entre as principais universidades do mundo, estudantes e pesquisadores da IBM.

"A criação desse centro com a USP é um marco muito grande para a pesquisa no Brasil e vai permitir que tenhamos estudantes, pesquisadores e outros profissionais engajados em uma área que vem ganhando cada vez mais relevância estratégica no mundo, possibilitando que haja uma agenda científica conjunta e avanços significativos"

Afirma Ulisses Mello, diretor do Laboratório de Pesquisa da IBM Brasil.

"Teremos também um intercâmbio de ideias bem maior com pesquisadores de todo o mundo, ampliando a solução de problemas decisivos simultaneamente para a ciência e o mercado e trazendo excelentes resultados".

O início das atividades do novo Centro de Inteligência Artificial tem previsão já para o começo de 2020.