Notícia

RNP - Rede Nacional de Ensino e Pesquisa

Integração de dados das FAPs é tema de workshop promovido pela Capes

Publicado em 28 janeiro 2019

Representantes de instituições federais e estaduais reuniram-se no dia 24/1 em um workshop promovido pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), com o objetivo de fazer um estudo técnico para melhorar o Confap-Cris, programa de integração de dados das Fundações de Amparo à Pesquisa (FAPs).

O evento aconteceu na sede da Capes, em Brasília, e reuniu representantes do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), do Scientific Electronic Library Online (SCIELO), Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap), Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT) e da RNP.

Entre as FAPs estaduais, participaram as Fundações de Amparo à Pesquisa dos estados de Goiás (Fapeg), de São Paulo (Fapesp), do Rio Grande do Sul (FAPERGS), de Minas Gerais (Fapemig), de Pernambuco (Facepe), do Espírito Santo (Fapes) e da Bahia (Fapesb).

Segundo a Capes, a necessidade de integrar esses dados surgiu a partir de discussões feitas no Consórcio Nacional de Educação, Ciência, Tecnologia e Inovação (Conect), que reúne várias agências federais e estaduais. O projeto foi criado para organizar todos os dados da FAPs, de forma a ter um ponto de integração com os sistemas federais.

O programa de integração de dados das FAPs deve coletar e integrar informações dessas instituições, como apoio às ações de internacionalização das bases brasileiras de Ciência, Tecnologia e Inovação (CTI). Além disso, serve para apoiar estrategicamente a tomada de decisão em gestão da CTI no país.

A RNP colabora com o Confap e a Capes na implantação do consórcio BRCRIS, que irá integrar indicadores de CT&I no Brasil, apoiando as políticas públicas e a transparência do setor. Segundo o diretor-adjunto de Relações Institucionais da RNP, Gorgonio Araújo, o workshop foi uma oportunidade para obter, das organizações envolvidas, os requisitos para o projeto. “Além de apoiar a hospedagem do serviço na gestão do programa, a RNP também tem interesse de usar os sistemas para apoiar as suas tomadas de decisões”, declarou Gorgonio Araújo.

Fonte: CCS/CAPES, com informações da RNP.