Notícia

Agência C&T (MCTI)

Inpe participa de cruzeiro internacional de navio oceanográfico

Publicado em 11 dezembro 2012

Dados para o Atlantic Ocean Carbon Experiment (ACEx), projeto coordenado pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe/MCTI) que mede os fluxos de dióxido de carbono (CO2) entre oceano e atmosfera, estão sendo coletados durante o primeiro cruzeiro internacional do Alpha-Crucis. O navio de pesquisa oceanográfica foi adquirido recentemente pela Universidade de São Paulo com o financiamento da Fundação doe Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp). 

O navio, que partiu do porto de Santos no dia 1º, segue até o ponto de longitude 42 graus oeste e latitude 34.5 graus sul, a cerca de 1.400 quilômetros da costa, para voltar até o litoral do Brasil, na divisa com o Uruguai, e dali retornar a Santos. Durante o trajeto, são realizadas medições e instalados equipamentos para o monitoramento de processos físicos e químicos no Atlântico Sul, relacionados com a circulação termo-halina global, o mecanismo controlador do clima do planeta.

"Montamos no Alpha-Crucis uma torre micrometeorológica do ACEx para realizar as medidas de fluxos de calor, ou seja, medir a quantidade de calor que está sendo transferida entre o oceano e a atmosfera, além do CO2 e de momentum. Também estamos realizando sondagens atmosféricas, por meio de balões meteorológicos lançados do navio, e tomando medidas com sondas oceânicas", explica o pesquisador do Inpe responsável pelo projeto ACEx, Luciano Pezzi.

As informações coletadas durante o cruzeiro permitirão avançar no entendimento de processos químicos, físicos e dinâmicos que causam impactos nas variações climáticas.

Texto: Ascom do Inpe